(Fonte da imagem: Thinkstock)

Depois de pesquisas que concluem que o Facebook pode deixar você louco, gordo e mais pobre, mais um estudo, desta vez da Universidade de Michigan, chega para diminuir a moral da rede social mais utilizada do mundo.

De acordo com o estudo "Uso do Facebook prevê declínio no bem-estar em jovens adultos", do psicólogo Ethan Cross, acessar constantemente a rede social deixa você triste. Uma das conclusões registradas diz que, quanto mais a rede social foi utilizada durante duas semanas, maior a queda registrada nos “níveis de satisfação” com a vida.

A cada cinco horas, quem fazia parte da pesquisa recebia uma mensagem de texto com um pequeno questionário sobre como estava o humor naquele momento – e, se o uso da rede social era constante, as respostas ficavam cada vez mais negativas.

Não é droga, mas faz mal

A conclusão de Cross é que as pessoas não utilizam o Facebook como um recurso de fuga da vida real, como acontece com as drogas. Outra hipótese descartada é de que a vida fora da internet tinha maior influência que a rede social no humor. Mas ver o sucesso de colegas e fazer comparações com a própria vida pode ser uma das causas da tristeza.

Quer abrir um sorriso assim no rosto? Saia do Facebook. (Fonte da imagem: Thinkstock)

Ainda assim, apesar de ser efetivo ao conectar você com milhões de pessoas ao mesmo tempo, a rede social pode ter o efeito contrário das relações offline, deixando você cada vez mais cabisbaixo. Para estudar essa relação, foram entrevistados 82 jovens adultos da Inglaterra com smartphones e contas no Facebook.

Cupons de desconto TecMundo: