A companhia de Mark Zuckerberg tem uma estratégia bem agressiva na hora de lidar com seus competidores caso não consiga comprá-los: oferecer soluções semelhantes até que o oponente seja “destruído”. Depois de praticamente importar o concorrente para um de seus principais produtos ao lançar o Instagram Stories, o Facebook se prepara para realizar mais uma investida contra o Snapchat. Ao que parece, a ideia é trazer os recursos do popular app de troca de fotos e vídeos para outra prata da casa: o Facebook Messenger.

Desta vez, porém, a empresa parece disposta a ir mais devagar com o projeto, escolhendo a Polônia para receber o Messenger Day. Segundo o site TechCrunch, a ideia é que a novidade tenha funções básicas muito parecidas com as do Snap e seja tão fácil de usar quanto a recém-implementada ferramenta do Instagram. Assim, a nova funcionalidade deve permitir que os usuários postem cliques ou clipes curtos em uma timeline separada, com esse material ficando disponível por 24 horas antes de desaparecer por completo.

E aí, essas telas são parecidas com as de outro app que você conhece?

Claro que a brincadeira oferece uma infinidade de customizações para que seja possível incrementar esse material, seja escrevendo por cima da imagem, desenhando em algum canto da cena, adicionando emojis ao conteúdo ou aplicando uma série de filtros visuais nele. De acordo com um representante do Facebook, a escolha por implementar tudo isso ao Messenger e não ao aplicativo padrão da rede social se deu por conta de as pessoas usarem o mensageiro para “compartilhar momentos diariamente com amigos e familiares”.

Ainda não há notícia sobre quando – e se – o Messenger Day vai deixar de ser exclusivo dos poloneses

Essa adoção do comunicador instantâneo, aliás, foi o motivo de a companhia ter escolhido a Polônia como seu mercado de testes para essas funções, já que, no país, o Facebook Messenger é muito mais popular do que o Snapchat. Ainda não há notícia sobre quando – e se – o Messenger Day vai deixar de ser exclusivo dos poloneses, mas, como a ferramenta está em um estágio bastante avançado, é de se imaginar que Zuckerberg e sua equipe queiram expandir a novidade para o resto do mundo o quanto antes.

Vai ficar a sua cara

Por enquanto, um ponto que pode acabar incomodando quem já está acostumado com o Snap é o fato de, assim como ocorre no Instagram Stories, o Messenger Day não possuir os populares filtros faciais – que fazem a alegria de quem não dispensa a chance de tirar uma selfie ou zoar os amigos. No entanto, se considerarmos que o Facebook comprou há alguns meses o MSQRD – junto da sua tecnologia de reconhecimento e edição de rostos –, as chances são de que essa limitação deve desaparecer muito, muito em breve.

Cupons de desconto TecMundo: