A Boeing anunciou na última terça-feira (8) uma nova e ousada empreitada: sob o nome de CST-100 Starliner, sua vindoura nave espacial poderá levar até quatro pessoas à Estação Espacial Internacional (EEI). O objetivo é dobrar o volume de pesquisas feitas em órbita para que “soluções à nossa jornada até Marte sejam encontradas”. A popular fabricante de aviões recebe apoio da NASA e da SpaceX.

Além dos tripulantes, a CST-100 Starliner terá capacidade para transportar carga pressurizada. Conforme explica a Boeing, toda a estrutura da nave será construída e testada no Kennedy Space Center, no estado da Flórida (EUA). Se bem sucedido, o projeto poderá passar ainda a servir como meio de transporte a turistas que desejam enxergar a Terra a partir do espaço.

O investimento, que é também simbólico, será considerado o primeiro voo Starliner comercial "genuinamente americano" com destino à EEI lançado a partir dos EUA.

Ansioso para a chegada do homem a Marte? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: