Nesta semana, a Amazon começou a vender livros digitais no Brasil. Isso não vale apenas para os consumidores com o aparelho Kindle, mas também para os donos de iPads e iPhones, graças ao aplicativo Kindle para iOS. Mas será que a chegada da loja virtual ao Brasil vai ser tão vantajosa para os consumidores? O que todos esperam é que os preços sejam reduzidos, mas essa é uma possibilidade?

Wikerson Landim (redator do Tecmundo e do Baixaki) separou os preços dos principais livros lançados até agora na Amazon brasileira e comparou os valores com os cobrados pelas principais concorrentes. Foram utilizados como parâmetro as lojas Cultura, Google Play, iBookstore, Saraiva e Submarino — levando em consideração apenas as cópias digitais das obras.

Como você pode ver na tabela postada acima, a Amazon apresentou os melhores preços em cinco dos sete livros analisados. É importante perceber que eles seguem as mesmas tendências e em apenas um dos casos — O Hobbit — a diferença era realmente grande. Nos outros livros, ou os valores são muito parecidos ou são iguais.

E qual a melhor afinal?

Ainda é cedo para dizer isso com certeza, mas é claro que encontrar preços baixos pode fazer qualquer consumidor ficar feliz. Por essa razão, podemos dizer que a Amazon está se saindo bem nesse início de atividades — ainda mais se levarmos em conta o acervo da loja, que é maior do que o de todas as outras concorrentes. Será que a Amazon vai manter o pique?

Cupons de desconto TecMundo: