iPhone 13: chip A15 começa a ser produzido hoje (26)

1 min de leitura
Imagem de: iPhone 13: chip A15 começa a ser produzido hoje (26)
Imagem: 9TO5Mac
Avatar do autor

Acabaram-se as dúvidas sobre o lançamento do iPhone 13 no outono! Segundo o site DigiTimes, a fabricante taiwanesa TSMC deu início nesta quarta-feira (26) à produção do processador de próxima geração que irá alimentar o novo aparelho da Apple.

De acordo como site de Taipei, o chip, chamado de A15, terá seu processo de fabricação iniciado em maio, conforme o cronograma informado no início do ano. O A15 irá seguir o mesmo processo de fabricação (5 nanômetros) que o atual A14 Bionic. Com isso, projeta-se a chegada de um chip de 4 nm nos iPhones somente em 2022.

A ausência de mudanças substanciais segue os padrões da Apple que geralmente alterna a cada dois anos, a redução de suas matrizes e alterações no projeto arquitetônico. Ainda assim, bons saltos de desempenho são esperados com o A15, que poderão ser aproveitados em um chip M2 que poderá estar presente em futuros Macs.

O que esperar do iPhone 13?

Fonte: LetsGoDigital/ReproduçãoFonte: LetsGoDigital/ReproduçãoFonte:  LetsGoDigital 

Dessa forma, a expectativa é que o iPhone não seja muito diferente do iPhone 12. O design deverá ser praticamente o mesmo, com pequenos ajustes no módulo da câmera traseira, além de uma pequena redução no recorte de identificação facial frontal.

Os modelos também serão oferecidos nos tamanhos atuais do iPhone 12: um mini, com tela de 5,4 polegadas; dois modelos com 6,1 polegadas e outro com 6,7 polegadas. A novidade fica por conta do iPhone 13 Pro e iPhone 13 Pro Max que devem entregar uma taxa de atualização de 120 Hz, ainda inédita em iPhones.

iPhone 13: chip A15 começa a ser produzido hoje (26)