Xiaomi Mi 11 é lançado mundialmente nesta segunda-feira (8)

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi Mi 11 é lançado mundialmente nesta segunda-feira (8)
Imagem: Xiaomi
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A Xiaomi anunciou hoje (8) o lançamento mundial do seu novo smartphone Mi 11, já lançado no país de origem no início do ano, inaugurando a era dos flaghips equipados com o Snapdragon 888. O lançamento do dispositivo em escala global segue a orientação da série Mi de combinar tecnologia avançada e preços competitivos.

Embora seja oficialmente o primeiro smartphone a trazer o Qualcomm Snapdragon 888 a bordo, o Xiaomi Mi 11 perdeu a corrida fora da China para a série Samsung Galaxy S21. No entanto, o dispositivo chinês chega com um design que impressiona e alguns itens de hardware que o colocam como um rival de peso.

Impressionando de cara pelas suas formas arredondadas, o Mi 11 vem com display AMOLED de 6,81 polegadas, painel WQHD com resolução de 3200x1440 pixels e taxa de atualização de 120Hz, que se adapta ao conteúdo exibido. A Xiaomi ainda oferece a proteção Gorilla Glass Victus e alto-falantes ajustados pela tradicional empresa de áudio norte-americana Harmon Kardon.

Fonte: Xiaomi/DivulgaçãoFonte: Xiaomi/DivulgaçãoFonte:  Xiaomi 

Mais especificações do Xiaomi Mi 11

O Mi11 ainda traz muitas surpresas como um comunicador infravermelho IR Blaster e um sensor de impressão digital na tela, que também funciona como monitor cardíaco. O painel do dispositivo tem uma intensidade de luz que chega a 1.500 nit e uma taxa de amostragem de toque de 480 Hz.

Na parte traseira, o dispositivo apresenta um conjunto de três lentes, com um sensor principal de 108 MP com abertura f/1.85, uma ultrawide de 13 MP com abertura f/2.4 e campo de visão de 123 graus, além de uma lente de telefoto de 5 MP. A câmera de selfies fica na parte frontal, em um punch-hole, e é de 20 MP.

Finalmente, o conjunto inclui uma bateria de 4.600 mAh de bom tamanho, que pode ser complementada com velocidades de 55W (com fio na porta USB-C) ou 50W sem fio. A vantagem do Mi 11 é trazer o carregador GaN de 55W incluído na embalagem de varejo, mas o carregamento sem fio reverso de 10W também está disponível na série.

A princípio, o Xiaomi Mi 11 estará disponível apenas nas cores Midnight Grey e Horizon Blue, ambos com painéis traseiros de vidro fosco. Os preços sugeridos começam a partir de 749 €, cerca de R$ 4,9 mil, com disponibilidade a confirmar nas próximas semanas.

Xiaomi Mi 11 é lançado mundialmente nesta segunda-feira (8)