Moto G Fast e novo Moto E são lançados por até US$ 200 nos EUA

2 min de leitura
Imagem de: Moto G Fast e novo Moto E são lançados por até US$ 200 nos EUA
Imagem: Motorola/Reprodução
Avatar do autor

A Motorola lançou nos Estados Unidos os novos Moto G Fast e Moto E, por US$ 150 e US$ 200, respectivamente. Os celulares estarão disponíveis a partir do dia 12 de junho em canais da empresa, no varejo e em operadoras locais.

No país, a companhia não adota a numeração no nome dos celulares desde o lançamento da atual geração Moto G8. No entanto, os dispositivos têm grandes semelhanças com os atuais modelos da empresa.

Vale lembrar, também, que tanto o Moto G Fast quanto o novo Moto E foram vazados antes da hora em um vídeo no YouTube e pela operadora Verizon.

O novo Moto G Fast

O novo Moto G Fast chega para o mercado com a cara da atual linha Moto G8. E isso tanto no design, quanto em algumas especificações. Ele é vendido na cor 'Pearl White', tem corpo em plástico e uma tela que ocupa uma maior área da frontal.

Ainda que haja bordas grandes, a tela do modelo (IPS LCD) tem 6,4 polegadas e resolução HD+ (1560 x 720p, 19:9). Ele também conta com um "furo" no canto superior esquerdo para a câmera de selfies, o que aumenta a proporção de tela para o corpo.

Neste modelo, a Motorola ainda incluiu itens como resistência contra respingos d'água, um leitor de impressões digitais na traseira, entrada USB-C e entrada de 3,5 mm (P2).

Novo Motorola Moto G Fast, lançado nos EUA por US$ 200.Novo Motorola Moto G Fast, lançado nos EUA por US$ 200.Fonte:  Motorola/Reprodução 

O novo smartphone chega no mercado com o Android 10 e chipset Snapdragon 665, que é usado em outros dispositivos atuais da marca. Ele possui 3 GB de RAM e 32 GB de memória interna, mas aceita cartões microSD de até 512 GB.

A marca também promete que sua bateria pode durar até dois dias em uso. No caso, ele possui 4.000 mAh (com carregamento de 10W), ao contrário de 5.000 mAh das versões 'Power' do Moto G8.

Na traseira existem três câmeras: a principal de 16 MP (f/1.7), a lente grande angular de 8 MP (f/2.2, campo de visão de 118º) e a macro, que possui 2 MP (f/2.2). Na frontal, o dispositivo tem câmera de 8 MP (f/2.2).

Moto E mais baratinho

A linha Moto E, naturalmente, é mais básica do que a Moto G. Com o novo Moto E, a Motorola traz um pouco menos de potência. Ele também roda Android 10, mas possui 2 GB de RAM e 32 GB de armazenamento – e aceita cartões microSD de até 512 GB.

Este modelo tem uma tela (IPS TFT LCD) de 6,2 polegadas HD+ (1520 x 720p, 19:9). O corpo dele também é em plástico, e a Motorola reforça o design repelente à água. Aqui, a marca também mantém um leitor de impressões digitais na traseira, embora sua tela traga um entalhe em formato de gota no lugar da solução utilizada no Moto G Fast.

Novo Moto E, lançado nos EUA por US$ 150.Novo Moto E, lançado nos EUA por US$ 150.Fonte:  Motorola/Reprodução 

A bateria dele tem 3.550 mAh de potência, e segundo a Motorola também pode durar até dois dias em uso. Por outro lado, ele chega ao mercado com entrada micro USB e seu carregamento é mais lento (5W).

As câmeras do noto Moto E possuem 13 MP (f/2.0) e 2 MP (f/2.2), lente usada para detalhes de profundidade de campo. Na frontal, as selfies são capturadas por um sensor de 5 MP (f/2.0).

Vale citar que ambos os dispositivos não têm data prevista para desembarcar no Brasil. Por aqui, a linha Moto G8 já conta com cinco dispositivos, e a linha Moto E6 com três versões diferentes.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Moto G Fast e novo Moto E são lançados por até US$ 200 nos EUA