Vários rumores sobre o próximo smartphone topo de linha da Xiaomi, o Mi 7, já deram indícios de que ele pode ter um leitor de digitais embutido na tela, de maneira semelhante ao que vimos no Vivo APEX, conceito que foi exibido durante a MWC 2018. Agora, até o próprio CEO da companhia chinesa falou sobre o caso.

Tudo começou em uma publicação da Xiaomi mostrando fotos do Mi Mix 2s sendo desmontado. Um dos usuários então comentou que o Mi 7 teria um leitor de digitais na tela, seguido de emojis de riso, dando a entender que ele não acreditava na afirmação. Foi aí que Lei Jun, diretor executivo da Xiaomi, apareceu dizendo que o smartphone teria sim a nova função. A tradução foi feita pelos sites GizmoChina e GSMArena.

Um print com texto em chinês.Captura de tela da troca de comentários entre um seguidor da empresa e o diretor.

Mesmo com o comentário inicial sendo feito em tom de piada, o executivo não chegou a desmentir a informação. Além disso, esse está longe de ser o único sinal de que o Mi 7 terá mesmo a nova tecnologia. Fontes próximas da indústria já falaram no começo do ano que o smartphone poderia ser lançado apenas em junho, pois a Xiaomi estaria tendo dificuldades em encaixar o novo sensor na tela.

Um teste de benchmark no GeekBench também foi publicado no mês passado e mostra um aparelho com Snapdragon 845 e 6 GB de memória RAM sob o codinome Dipper. Outras fotos também mostram que o Mi 7 provavelmente terá um entalhe na parte superior da tela, seguindo o caminho de outras fabricantes, como OnePlus e Asus.

Cupons de desconto TecMundo: