Enquanto no Brasil nossas conexões móveis com tecnologia 3G e 4G apresentam lentidão em muitas regiões, lá fora a Qualcomm, em parceria com a Huawei e a operadora de telefonia britânica EE, comprovaram que o 4G+ pode atingir a incrível taxa de 410 Mbps de download.

A informação foi divulgada ontem pela fabricante de processadores, em sua página oficial, que reportou que os testes foram conduzidos com o chipset Snapdragon 810, o qual demonstrou qualidade e eficiência ao trabalhar com o LTE de categoria 9.

Vale ressaltar que o modem que vem instalado no processador em questão é compatível com as atuais tecnologias móveis (GSM/EDGE, CDMA1x/EVDO, TD-SCDMA e WCDMA/HSPA+), o que significa que ele não ficará restrito ao mercado britânico ou apenas a regiões onde o 4G+ estiver disponível.

Yang Chaobin, chefe de marketing da Huawei Wireless Network Business Unit, inclusive comentou que “este teste é um momento verdadeiramente inovador, conforme progredimos em direção à era do 5G”, considerando que tais resultados são os primeiros na Europa.

Ainda não há uma data definitiva para a chegada do 4G+ na Europa, mas as companhias envolvidas no teste mais recente pretendem lançar a novidade ainda em 2015. No Brasil, por outro lado, talvez a novidade não seja implementada tão brevemente.

Cupons de desconto TecMundo: