O Moto Z2 Play é o aparelho intermediário premium lançado pela Motorola para continuar o sucesso conquistado pelo Moto Z Play do ano passado. Com esse objetivo, o smartphone chega trazendo várias melhorias em seu hardware e software em comparação com o antecessor, mas também vem com algumas mudanças que acabaram causando preocupação em alguns fãs.

Esse é o caso da redução do tamanho da bateria, por exemplo, o que é estranho se considerarmos que a grande vida útil longe da tomada foi justamente um dos pontos de destaque do primeiro Moto Z Play. Será que as mudanças foram positivas para o Moto Z2 Play? A bateria ainda dura tanto quanto a do antecessor? Essas são algumas perguntas que vamos responder nesse comparativo.

Versão do Sistema OperacionalAndroid 6.0.1 MarshmallowAndroid 7.1.1 Nougat
Tipo de TelaSuper AMOLED com 16 milhões de coresSuper AMOLED com 16 milhões de cores
Tamanho de Tela5.5 polegadas5.5 polegadas
Resolução de Tela1920 x 1080 pixels1920 x 1080 pixels
ChipsetQualcomm MSM8953 Snapdragon 625Qualcomm MSM8953-Pro Snapdragon 626
Memória RAM3 GB de RAM3/4 GB de RAM
Armazenamento Interno32 GB32/64 GB
Cartão de MemóriamicroSD, expansível até 256 GBmicroSD, expansível até 256 GB
Câmera Traseira16 MP, abertura f/2, pixels de 1.3µm, com autofoco a laser e resolução máxima de 4608 x 3456 pixels12 MP, abertura f/1.7, pixels de 1.4 µm, com resolução máxima de 4032 x 3024 pixels
Capacidade de Bateria3510 mAh3000 mAh

Design: vantagens do metal

O formato e as dimensões de altura e largura do Moto Z2 Play continuaram praticamente inalterados em comparação com o antecessor. O que mudou aqui foi a espessura, que diminuiu em 1 mm, e o peso, que caiu 20 gramas. Ter ficado mais fino e mais leve que o Z Play original, mas sem perder a entrada de fone de ouvido, é um ponto positivo para o aparelho mais novo.

Além disso, o design em metal fosco faz o Z2 Play passar uma sensação mais premium, especialmente na cor dourada. Além disso, o material metálico garante uma construção mais resistente e elimina o incômodo das marcas de dedos no vidro da traseira do Z Play – algo que só incomoda quando ele não está com um Snap encaixado, mas que deve ser mencionado mesmo assim.

Tela: empatados com louvor

Com relação ao display, os dois aparelhos vêm com exatamente a mesma configuração. Ambos têm painel Super AMOLED de 5,5 polegadas e resolução Full HD. Isso garante que tanto o Moto Z Play quanto o seu sucessor conseguem produzir imagens com ótimo nível de detalhes, cores vivas, contraste excelente e brilho forte.

Na prática, isso quer dizer que os dispositivos empatam totalmente nesse quesito. Se a qualidade da tela for um fator decisivo na hora de determinar qual aparelho comprar, você vai poder escolher qualquer um dos dois, sem medo de ser feliz. Ambos trazem o melhor que um smartphone intermediário pode oferecer atualmente nesse sentido.

Desempenho: vantagem pequena do Z2 Play

Comparado com o antecessor, o Moto Z2 Play ganhou um processador com um clock um pouco maior, além de receber 1 GB a mais de RAM e ter seu espaço de armazenamento dobrado. Nos nossos testes de benchmark, essas configurações se traduziram em resultados de desempenho apenas ligeiramente melhores no celular mais recente.

Já no dia a dia, os dois oferecem experiências bem parecidas e conseguem rodar qualquer aplicativo ou jogo sem problemas e sem engasgos. A diferença mais notável realmente é no espaço interno do Z2 Play, que permite guardar bem mais fotos, vídeos e músicas antes de forçar o usuário a recorrer a um cartão micro SD.

Interface: melhorias interessantes

Mesmo que os dois aparelhos da Motorola venham com a versão quase pura do Android Nougat e com as melhorias práticas da fabricante, o Z2 Play tem algumas vantagens em sua interface de uso. A primeira delas é o fato de que ele conta com a versão 7.1 do sistema operacional da Google, enquanto o modelo do ano passado ainda está na 7.0. Isso faz com que o Z2 Play tenha um funcionamento um pouco mais parecido com o do Google Pixel, que traz melhorias em geral. Pelo menos enquanto o Z Play original não for atualizado, é claro.

Além disso, o Z2 Play traz novidades interessantes nos recursos Moto Voz, Moto Tela e Moto Ações, o que inclui navegação por meio de gestos no sensor de digitais, possibilidade de responder mensagens recebidas sem ter que ligar a tela e algumas outras coisas práticas.

Câmeras: menos resolução, mais luz

No que diz respeito à câmera traseira, o Moto Z2 Play chegou com menos megapixels do que o smartphone mais antigo. Enquanto a novidade tem 12 MP, o Z Play vem com 16 MP. Mesmo assim, as melhorias na lente, nas tecnologias de foco automático e no software do aparelho mais recente fazem com que as fotos capturadas no Z2 Play fiquem um pouco melhores em praticamente todos os aspectos.

Fotos tiradas com o Moto Z Play:

As câmeras frontais, por outro lado, têm especificações bem parecidas. Mesmo assim, o Z2 Play leva vantagem por causa do flash LED duplo frontal com correção automática de temperatura de cor, que permite tirar selfies com cores melhores mesmo em ambientes escuros. Nos vídeos, os dois mandam bem, com a possibilidade de gravar em 4K.

Fotos tiradas com o Moto Z2 Play:

Bateria: redução com impacto

No ponto da bateria, o Moto Z Play original se destacou por conseguir aguentar dois dias de uso comum sem recarga, com seus 3.510 mAh de capacidade. Mesmo com um processador um pouco mais eficiente, a redução para 3.000 mAh no Z2 Play não permitiu que ele atingisse a mesma durabilidade.

O celular novo consegue passar um dia e meio longe da tomada com uso moderado, o que é bom, mas não tão bom quanto o aparelho do ano passado. Usuários mais intensivos, que passam muito tempo jogando e usando o celular para várias tarefas, também vão conseguir passar 24 horas sem ter que recarregar qualquer um dos dois dispositivos, mas é inegável que o Z Play original dá uma folga maior para isso.

Preço: questão de escolha

Estranhamente, a Motorola ainda não diminuiu o preço oficial de R$ 2,2 mil do Moto Z Play original no seu site, mesmo depois que o sucessor foi lançado por R$ 2 mil. Já é fácil encontrar o aparelho do ano passado por valores mais próximos de R$ 1,7 mil em varejistas online, mesmo sem considerar promoções.

Dessa forma, você vai ter que escolher se quer pagar um pouco mais por um dispositivo ligeiramente mais poderoso, atualizado e bonito, ou se prefere economizar um pouco e pegar um que vem com uma bateria melhor. Isso realmente vai depender das prioridades de cada um.

-----

E aí, qual dos dois você prefere? Se quiser saber mais detalhes sobre o Moto Z2 Play ou sobre o Moto Z Play, confira nossas análises completas clicando respectivamente aqui ou aqui. Já se estiver interessado em qualquer um deles, confira alguns preços promocionais que separamos nos links abaixo.

Opções de compra

Melhores ofertas do Motorola Z2 Play e suas versões:

Melhores ofertas do Motorola Z Play e suas versões:

Cupons de desconto TecMundo: