Imagem de: Como usar FTP online sem precisar instalar programas

Como usar FTP online sem precisar instalar programas

4 min de leitura
Avatar do autor

(Fonte da imagem: Reprodução/PCWorld)

É inevitável pensar imediatamente em soluções populares como FileZilla ou LeechFTP quando a conversa é sobre bons clientes de FTP (File Transfer Protocol, ou Protocolo de Transferência de Arquivos). Esse tipo de programa é essencial para quem mexe com desenvolvimento de sites ou hospedagem de documentos em servidores, e é bastante utilizado até mesmo por blogueiros que usam plataformas CMS como Wordpress e Joomla!.

Contudo, nem sempre você está em um computador que possui seu cliente FTP favorito instalado, com suas próprias configurações e interface que você está acostumado. Pior ainda quando você não possui permissão para instalar esse tipo de software na máquina que estiver utilizando.

Nesses casos, a melhor saída é usar um cliente FTP online. Existem dezenas de opções gratuitas e com excelentes recursos. Separamos três excelentes opções para quem deseja parar de depender dos softwares instaláveis – confira suas características e aprenda a utilizá-los.

1) FTP Live

O FTP Live é atualmente o cliente online FTP mais popular da internet. Embora sua interface não seja exatamente a mais atraente já vista em um aplicativo online, o serviço oferece uma série de recursos interessantes e não fica devendo em nenhum ponto para clientes tradicionais de Windows, Mac ou Linux.

Para utilizá-lo, basta acessar o site e inserir os dados de seu servidor logo na página inicial (endereço, nome de usuário e senha), clicando no botão “Launch FTP Browser!” em seguida. Uma nova aba abrirá em seu navegador com todos os arquivos e pastas de seu servidor devidamente listados.

Para enviar novos arquivos, basta utilizar a pequena barra localizada na área inferior da tela. Selecione algum dos comandos do menu flutuante (“Create File” para enviar arquivos, “Create Directory” para gerar uma nova pasta e “Change Directory” para renomear/substituir um diretório existente) e utilize os botões que mudam a cada opção.

Note ainda que é possível editar arquivos de texto e de configuração dentro do próprio FTP Live. Para isto, clique no pequeno ícone de edição (“Edit”) que aparece ao lado de cada arquivo, perto dos botões de exclusão e renomeação, para que o editor de texto simples seja aberto e você possa fazer todas as alterações que forem necessárias. Com tudo pronto, clique em “Save” para salvar as edições e retornar à listagem de documentos e pastas.

Ampliar

O único porém do FTP Live é a impossibilidade de trabalhar com arquivos mais pesados do que 16 MB. Para isto, é preciso pagar por uma assinatura premium, que atualmente está custando US$ 55 por ano.

2) AnyClient Web Edition

Embora também tenha uma versão para desktop, o AnyClient é inegavelmente mais conhecido por seu serviço de FTP online. Ele destaca-se por oferecer um alto nível de segurança – criptografando os dados enviados/recebidos com tecnologia AES-256 e realizando todas as transações em conexão SSL – e suportar os mais variados protocolos, como Amazon S3, FTP/S, SFTP, WebDAV e AFTP.

Para utilizá-lo, é preciso criar uma conta gratuita. Após confirmar seu registro (através de um link que será enviado para seu email), já é possível fazer login e acessar seus servidores informando seus respectivos endereços, nomes de usuário e senhas. O AnyClient roda em Java Runtime, logo, tenha certeza de que este complemento esteja instalado em seu computador.

Se você já estiver acostumado com o FileZilla, não terá quaisquer problemas com o AnyClient. Ambos são visualmente parecidos e possuem basicamente o mesmo esquema de funcionamento: a interface é divida em duas colunas, sendo que na esquerda você tem seus arquivos locais e na direita os diretórios remotos armazenados em seu servidor. Você pode cadastrar seus sites de forma a acessá-los mais rapidamente em futuras ocasiões, algo que poupa bastante o seu tempo.

Ampliar

Diferente do FTP Live, o AnyClient não possui quaisquer limitações acerca do tamanho dos arquivos transferidos, e nem ao menos possui alguma versão paga.

3) net2ftp

Já o net2ftp é bastante semelhante aos gerenciadores FTP presentes dentro dos painéis de controle da maioria dos servidores e serviços de hospedagem atuais (o famoso CPanel). Não é preciso cadastro para utilizá-lo, bastando inserir o endereço do host e a combinação de nome de usuário/senha.

Claramente voltado para usuários avançados e com maiores conhecimentos técnicos, o net2ftp oferece recursos bastante interessantes como compactação/descompactação de arquivos, editor de HTML e PHP (com realce de sintaxes), instalação de softwares famosos (como alguns CMS) e opções de personalização de visual (com várias opções de cores para a interface).

Vale observar que o serviço possui também uma versão para desktop, que é compatível com o sistema operacional Windows e oferece todos os recursos da versão online.

Extra: Online FTP Tester

Uma ferramenta que vale a pena ser citada é a Online FTP Tester. Não se trata de um cliente FTP, e sim de um utilitário para testar a conexão de seu servidor e conferir se ele está em plenas condições de ser acessado através de um programa/serviço de transferência de arquivos.

É bastante útil nas horas em que você quer ter certeza se há algo de errado com o serviço que você está usando ou com o seu servidor em si.

Para usá-lo, só é preciso acessar o site e informar suas credenciais de acesso (endereço do host, nome de usuário e password). O Online FTP Tester irá tentar efetuar o login e fazer testes de funcionamento necessários, além de retornar os resultados do status de seu servidor em poucos segundos.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Como usar FTP online sem precisar instalar programas