O produtor do tenebroso curta-metragem inspirado na série clássica dos Powers Rangers, Adi Shankar, voltou a causar barulho na internet com um novo vídeo – dessa vez a respeito de ninguém menos que o agente secreto mais famoso do mundo, James Bond. Antes que fosse amplamente divulgado, no entanto, o filme chamado In Service of Nothing foi retirado do YouTube por conta de violações de direitos autorais.

A animação mostrava a história de um 007 aposentado, que vive assombrado por suas missões passadas enquanto tenta se acostumar a uma sociedade moderna que não precisa mais de pessoas como ele. “O que aconteceria com uma cara como o que vemos em Dr. No e em Goldfinger no mundo de hoje? A necessidade de espionagem ainda existe, mas hoje os hackers fazem isso. Não é um cara de gravata tomando Martini”, diz Shankar.

Embora a curta não esteja mais disponível no YouTube, ainda é possível ver no vídeo acima as explicações do produtor sobre os motivos que o levaram a fazer a animação, o que ajuda a entender ao menos qual era o tom do produto final. Diferentemente do que aconteceu com In Service of Nothing, o curta de Power Rangers voltou ao ar após Shankar ter firmado um acordo com os detentores dos direitos da franquia.

Outros trabalhos

Mesmo com sua preferência por produtos feitos sem as autorizações devidas, Shankar já atuou profissionalmente como produtor em filmes mais mainstream, como A Perseguição (com Lian Neeson) e o Dredd (reboot do clássico Judge Dredd, com Sylvester Stalone). Além dos curtas dos citados acima, ele também demonstrou sua visão sobre personagens dos quadrinhos, como o Justiceiro e o vilão Venom – que você pode ver em seu canal no YouTube.

Cupons de desconto TecMundo: