Primeiro infectado por varíola de macacos na Alemanha é um brasileiro

1 min de leitura
Imagem de: Primeiro infectado por varíola de macacos na Alemanha é um brasileiro
Imagem: Shutterstock
Avatar do autor

Autoridades de saúde da Alemanha relataram, na sexta-feira (20), o primeiro caso de varíola de macacos naquele país. O vírus foi detectado na véspera, pelo Instituto de Microbiologia das Forças Armadas alemãs (Bundeswehr), e o paciente é um brasileiro que está em excursão pela Europa.

As informações foram confirmadas pela agência de notícias alemã DW.

VariolaErupções cutâneas estão entre as principais manifestação da varíola (Shutterstock)

Ele chegou originalmente em Portugal, passou pela Espanha e estava há uma semana em Munique, após breve estadia em Düsseldorf e Frankfurt. O paciente buscou atendimento médico após apresentar erupções cutâneas, um dos sintomas da doença. Diagnosticado, o brasileiro foi colocado em isolamento em uma clínica da cidade.

Surto inédito de varíola de macacos na Europa

A cautela das autoridades sanitárias alemãs se justifica. Desde março passado, vários casos da doença, comumente restrita a algumas regiões da África, foram confirmados no Reino Unido, Itália, Suécia, Espanha, Portugal e, mais recentemente, nos Estados Unidos e Canadá. A Organização Mundial da Saúde (OMS) está monitorando as ocorrências para detecção de possíveis surtos.

A varíola de macacos não é uma doença de fácil transmissão, e a morte só ocorre em casos extremamente raros. Embora, entre os casos detectados até agora, a maioria seja de homens que tiveram relações sexuais com parceiros do mesmo sexo, ainda não há evidências robustas para confirmar a tese de que a doença seja sexualmente transmissível.

Fontes