Ministério da Saúde intensifica plano de testes de covid-19

2 min de leitura
Patrocinado
Imagem de: Ministério da Saúde intensifica plano de testes de covid-19
Avatar do autor

Os testes rápidos de antígeno para identificar a presença da covid-19, que ficam prontos em poucos minutos, começaram a ser distribuídos no final do mês de setembro em todas as regiões brasileiras pelo Ministério da Saúde.

A iniciativa faz parte das estratégias adotadas pela pasta para intensificar o Plano Nacional de Expansão da Testagem para Covid-19.

Ao todo, cerca de 60 milhões de testes rápidos de antígeno de covid-19 chegarão a diversas cidades do território nacional até o final do ano para que o diagnóstico seja realizado com maior velocidade pelos agentes de saúde, visando identificar a presença do vírus na população com mais agilidade, e ajudando a evitar novas contaminações.

teste rápido(Fonte: Ministério da Saúde/Divulgação)

Um fator bastante difundido nessa campanha é que os testes também conseguem detectar diversas variantes da covid-19. Dessa maneira, com testagem em massa, é possível identificar complicações em determinados locais que já estão abertos ao público, como escolas, escritórios, casas de repouso, entre outros.

Antígeno: saiba como funciona o teste rápido da covid-19

Onde fazer o teste de covid-19?

Para que a coleta do teste rápido de antígeno seja realizada, o indivíduo precisa procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou posto de saúde mais próximo de sua residência. Por lá, é possível consultar a disponibilidade dos testes em postos de saúde.

Alguns municípios criarão pontos estratégicos para testagem, convidando a população que estiver passando pelo local para a realização do procedimento.

O teste rápido de antígeno de covid-19 é seguro?

Sim, o teste rápido de antígeno acontece de uma forma bastante segura e tranquila. Ao chegar para a realização do teste, o agente de saúde coletará uma amostra pela região nasal, ou nasofaringe, com o auxílio do swab, uma haste flexível específica para esse tipo de procedimento. O material é depositado em um aparelho que detecta o vírus em um período entre 15 e 20 minutos.

teste rápidoTeste de antígeno serão feitos gratuitamente em diversas regiões do País. (Fonte: Freepik/Reprodução)

A confiabilidade e eficácia do procedimento é bastante alta, considerando todas as pesquisas realizadas em torno dele. Caso ele retorne positivo, há uma orientação sobre todas as ações que deverão ser tomadas, bem como o encaminhamento da pessoa para uma Unidade Básica de Saúde.

Vale lembrar que, se no momento da testagem para covid-19, diversos sintomas estiverem sendo sentidos e o teste não for positivo, um novo procedimento poderá ser solicitado para que seja analisado em laboratório. Para que isso aconteça, uma nova amostra será coletada.

Deu negativo e está sem sintomas? Então continue utilizando máscara, álcool em gel e evitando aglomerações sempre que possível.