Imagem da NASA mostra passagem do furacão Ida pelos EUA

1 min de leitura
Imagem de: Imagem da NASA mostra passagem do furacão Ida pelos EUA
Imagem: Agência Espacial Europeia/Reprodução
Avatar do autor

Uma imagem capturada pela NASA na manhã desta segunda-feira (30) mostra o furacão Ida se movendo para o interior do sudeste da Louisiana, sul do Mississippi e sul do Alabama. Desde o seu surgimento, no domingo (29), a tempestade tropical pode ser vista em fotos registradas a partir da Estação Espacial Internacional.

A observação dos eventos climatológicos do espaço fornece uma visão única, com informações valiosas para entender os fenômenos meteorológicos. Nos Estados Unidos, as imagens são compartilhadas com agências parceiras, como a National Oceanographic and Atmospheric Administration e a Federal Emergency Management Agency, para ajudar a compreender os furacões e subsidiar a preparação e a resposta aos desastres.

Furacão pequeno, mas devastador

(Fonte: NASA/Reprodução)(Fonte: NASA/Reprodução)Fonte:  NASA/Reprodução 

O furacão Ida provavelmente será um dos piores eventos climáticos extremos de 2021, um ano já cheio de ondas de calor, incêndios florestais, secas e tempestades. Os ventos fortes arrancaram telhados de edifícios, causaram inundações e deixaram toda a cidade de Nova Orleans às escuras, lembrando a passagem do furacão Katrina ocorrida 16 anos atrás.

Apesar de menor que o seu antecessor, o Ida pode ter um potencial de destruição equivalente. Mesmo com uma proteção extra nos diques de grande parte da Louisiana, desigualdades e vulnerabilidades estruturais permanecem, e as comunidades latinas e negras ainda correm alto risco de furacões como este.