Exoesqueletos serão vendidos em lojas de varejo, diz fabricante

1 min de leitura
Imagem de: Exoesqueletos serão vendidos em lojas de varejo, diz fabricante
Imagem: CBR
Avatar do autor

A utilização de exoesqueletos, aquela tecnologia que equipa o Homem de Ferro nos filmes da Marvel, pode estar bem mais perto de se tornar realidade do que imaginamos. Pelo menos é o que afirma uma reportagem publicada pela BBC na segunda-feira (12). Um dos fabricantes desse tipo de equipamento, a SuitX da Califórnia, espera colocar seus produtos em lojas de varejo em um futuro próximo.

O fundador da companhia norte-americana, Homayoon Kazerooni, afirmou à emissora britânica que a venda de exoesqueletos poderá ocorrer em breve em locais como a Home Depot, loja de materiais de construção e produtos para o lar, “à medida que os preços baixarem”.

Mas o produto ainda não é aquela Mark LXXXV de Tony Stark. O exoesqueleto anunciado pelo iraniano é simplesmente um dispositivo externo que apoia, cobre e protege o usuário, dando maiores níveis de força e resistência. Chamados às vezes de “robôs vestíveis”, podem ser alimentados por baterias e sistemas hidráulicos sofisticados, ou apenas molas e amortecedores.

Exoesqueletos industriais e recreativos

Teste de dispositivo da SuitX para proteger o joelho em caminhadas (Fonte: SuitX/Divulgação)Teste de dispositivo da SuitX para proteger o joelho em caminhadas (Fonte: SuitX/Divulgação)Fonte:  SuitX 

A integração entre seres humanos e máquinas esteve por muito tempo restrita a usos militares e médicos. Atualmente a tecnologia está fazendo sua transição para as indústrias, prevenindo a fadiga muscular de empregados da General Motors e da Fiat. E há armaduras, como as usadas por equipes de manuseio de cargas da Delta Airlines, que permitem levantar pesos de até 90 kg.

Mas o professor Kazerooni já prevê a entrada da SuitX em um mercado potencialmente enorme: exoesqueletos recreativos, para tornar atividades corriqueiras, como escalar ou fazer caminhadas mais fáceis e "para todas as idades". O obstáculo, por enquanto, são os preços proibitivos. Segundo a consultoria em tecnologia Accenture, o custo médio de um exoesqueleto é US$ 45 mil, o equivalente a R$ 256 mil.

Exoesqueletos serão vendidos em lojas de varejo, diz fabricante