Vírus de gripe aviária contamina humanos na Rússia pela 1ª vez

1 min de leitura
Imagem de: Vírus de gripe aviária contamina humanos na Rússia pela 1ª vez
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

Autoridades russas, em uma coletiva de imprensa realizada no último sábado (20), trouxeram um alerta. No país, foram identificados os primeiros casos conhecidos de contaminação humana por um vírus chamado H5N8. O microrganismo teria sido transmitido de pássaros de uma avícola a sete funcionários da instituição em dezembro de 2020, período em que houve um surto de gripe aviária por lá.

Anna Popova, chefe do Serviço Federal de Vigilância da Proteção dos Direitos do Consumidor e Bem-estar Humano da Rússia, indicou que cepas do agente detectado foram isoladas por cientistas do Vector Institute. Por enquanto, não há evidência de que o H5N8 se espalhe entre pessoas.

Anna Popova, chefe do Serviço Federal de Vigilância da Proteção dos Direitos do Consumidor e Bem-estar Humano da Rússia.Anna Popova, chefe do Serviço Federal de Vigilância da Proteção dos Direitos do Consumidor e Bem-estar Humano da Rússia.Fonte:  Reprodução 

De acordo com um representante OMS, apesar do evento, os infectados permaneceram assintomáticos – e, se confirmada a variedade, esta será a primeira vez em que algo do tipo ocorre com o H5N8. Popova salienta ser necessária toda atenção possível para se evitar que novos cenários semelhantes ao criado pelo Sars-CoV-2, responsável pela covid-19, tenham início.

"A descoberta no momento em que o vírus ainda não adquiriu a capacidade de transmissão humano para humano dá a todos nós, ao mundo inteiro, tempo para nos prepararmos para possíveis mutações e reagirmos de maneira adequada e oportuna", disse Popova, salientando que pesquisadores se dedicarão uma série de análises.

Estruturando defesas

Grande parte dos casos de disseminação de gripes aviárias se dá a partir de secreções expelidas por animais infectados, como saliva ou fezes, mesmo presentes em superfícies. Em 2014, um surto de H5N8 atingiu aves domésticas em fazendas na Alemanha, Holanda e Reino Unido. Quando cozidas, as carnes dos animais, geralmente, não apresentam perigo algum.

Quanto ao evento da vez, Popova explica que discussões a respeito do tema e a avaliação de seus impactos na saúde pública já estão em andamento. "A situação não evoluiu para além daquilo que já sabemos", destacou, ressaltando que o país enviou dados à OMS assim que configurada a certeza do problema.

Transmissão entre humanos não foi registrada.Transmissão entre humanos não foi registrada.Fonte:  Reprodução 

Dentre os planos dos cientistas do instituto já está previsto desenvolvimento de uma vacina eficaz contra o microrganismo, indicou a RIA Novosti, uma das maiores agências de notícias da Rússia.

Vírus de gripe aviária contamina humanos na Rússia pela 1ª vez