Blue Origin testa 'cabine turística espacial' com sucesso

1 min de leitura
Imagem de: Blue Origin testa 'cabine turística espacial' com sucesso
Imagem: Reprodução
Avatar do autor

Não é só a SpaceX que está avançando de maneira impressionante no setor espacial privado. Nesta quinta-feira (14), a Blue Origin, companhia de Jeff Bezos, testou, com sucesso, sua cabine tripulável, que, no futuro, poderá ser utilizada até mesmo por turistas que queiram descobrir os efeitos da microgravidade.

Decolagem e pouso foram realizados durante a avaliação de aprimoramentos acústicos e nos mecanismos de regulação de temperatura interna. Painéis dedicados aos responsáveis pelo controle do dispositivo não ficaram de fora das implementações, assim como as adições de um microfone e de um botão de ativação de captação de áudio em cada assento (seis, no total).

Tais estudos servirão também, indica a empresa, para se verificar a funcionalidade de diversos elementos de comunicação com a Terra e a segurança dos sistemas incorporados nos equipamentos.

Bate e volta

Lançada do Texas às 14h20 (horário de Brasília), a cápsula se separou do foguete New Shepard que a conduziu para fora da atmosfera e continuou sua trajetória enquanto o "companheiro" retornava à base, a cerca de 3 km do ponto inicial. Depois, trouxe Mannequin Skywalker, único presente no evento, são e salvo para cá com a ajuda de paraquedas. No total, o processo durou apenas 10 minutos.

Cinco anos se passaram entre o que ocorreu hoje e o primeiro voo empreendido pelo New Shepard. De acordo com a Blue Origin, oferecer passeios diferenciados como esse está levando mais tempo que o esperado, mas, apesar do desapontamento, reconhece que atrasos são comuns na concretização de um objetivo tão ambicioso.

Quer fazer sua reserva? Tenha calma. Preços ou início das viagens, por enquanto, não foram divulgados.

Fontes

Blue Origin testa 'cabine turística espacial' com sucesso