(Fonte da imagem: Reprodução/Universidade de Oxford)

Cientistas da Universidade de Stanford realizaram experimentos para tentar provar que o laser de um Raio-X pode ser mais quente do que a coroa solar. Para isso, utilizaram máquinas emissoras de luz amplificada (laser) e mecanismos capazes de medir a temperatura dos raios gerados. O objetivo principal era criar matéria densa (similar ao plasma solar) com o calor gerado.

Segundo a Wired, o resultado foi satisfatório, sendo que a medição apontou em 1,9 milhão de graus Celsius — a temperatura da coroa solar é de 1,09 milhão. O que se espera com as pesquisas? Os cientistas querem conseguir produzir e controlar o plasma para entender melhor o funcionamento (formação e comportamento) de algumas estrelas e planetas gasosos.

Cupons de desconto TecMundo: