Estudo nos EUA aponta dano renal agudo em pacientes com covid-19

1 min de leitura
Imagem de: Estudo nos EUA aponta dano renal agudo em pacientes com covid-19
Imagem: Pexels
Avatar do autor

Um estudo realizado com pacientes infectados pelo novo coronavírus e internados em uma das maiores redes de saúde de Nova York (Estados Unidos) revelou que mais de um terço desenvolveu lesão renal aguda. A doença ocorre quando os rins não conseguem mais filtrar os resíduos do sangue.

Na pesquisa feita por uma equipe da rede Northwell Health e publicada na revista Kidney International nesta quinta-feira (14), foram analisados os registros médicos de 5.449 pacientes hospitalizados na provedora de saúde entre 1º de março e 5 de abril. Do total, 36,6% apresentaram danos nefrológicos, com 15% precisando fazer diálise.

Segundo o chefe de nefrologia da Hofstra University/Northwell, Kenar Jhaveri, coautor do estudo, a insuficiência renal foi desenvolvida no início da manifestação dos sintomas de covid-19. Dos pacientes que apresentaram a condição, 37,7% já chegaram ao hospital com o quadro ou o desenvolveram nas primeiras 24 horas de internação.

Registros de mais de 5 mil pacientes foram analisados pelos pesquisadores.Registros de mais de 5 mil pacientes foram analisados pelos pesquisadores.Fonte:  Pixabay 

A pesquisa mostrou também que há forte associação entre os infectados pelo Sars-CoV-2 que precisaram de ventilação mecânica e o surgimento dos danos renais agudos. Dos mais de 1 mil pacientes que utilizaram o equipamento, 90% apresentaram falhas nos rins, enquanto entre os 925 que não exigiram esse cuidado 21,7% tiveram o problema.

Quadro comum entre pacientes graves

O surgimento de danos nos rins é relativamente comum nos pacientes em estado grave com doenças em geral, de acordo com Jhaveri. "Não é específico da covid-19. Está mais relacionado ao quão doente você está", disse o médico à Reuters.

Apesar disso, o estudo, que é o maior feito até o momento sobre insuficiência renal em pacientes com covid-19, pode ajudar os hospitais a se organizarem melhor para futuros surtos de coronavírus. O problema nos rins é mais um dos efeitos detectados da doença; já foram relatados danos nos pulmões, intestinos e outros órgãos.

Leia também:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Estudo nos EUA aponta dano renal agudo em pacientes com covid-19