Novos golpes no WhatsApp oferecem álcool em gel gratuito

2 min de leitura
Imagem de: Novos golpes no WhatsApp oferecem álcool em gel gratuito
Fonte: https://pixabay.com/pt/illustrations/corona-coronav%C3%ADrus-v%C3%ADrus-pandemia-4930541/
Avatar do autor

Especialistas em segurança da Kaspersky identificaram uma campanha maliciosa que se aproveita dos cidadãos mais apreensivos devido à pandemia do coronavírus para roubar dados pessoais por meio do WhatsApp. Com o aumento da procura por máscaras e álcool em gel para conter o avanço do Covid-19, esses produtos já começaram a faltar em algumas cidades e há casos em que os preços se tornaram abusivos.

Golpe 1: kit gratuito com máscara e álcool em gel

Aproveitando-se das pessoas mais amedrontadas — e que costumam trocar as informações fornecidas pela impressa especializada pelas que chegam via redes sociais —, o cibercriminosos criaram uma mensagem que está sendo distribuída via WhatsApp e promete um kit gratuito com máscara e álcool em gel oferecido pelo governo federal.

Fonte: Pixabay/Reprodução(Fonte: Pixabay)Fonte:  Pixabay 

A mensagem contém um link que direciona o usuário a uma página falsa que imita um site oficial e tem informações sobre infectados e mortos pelo Covid-19 e dicas sobre como se prevenir do contágio. Para receber o suposto kit, o internauta deve preencher um formulário com nome, CPF e endereço completo. Para que o golpe atinja o maior número de pessoas possível, no fim é solicitado que o interessado compartilhe a mensagem com amigos e grupos no mensageiro.

Golpe 2: álcool em gel da Ambev

Outro golpe identificado recentemente também usa uma mensagem espalhada pelo WhatsApp, prometendo entregar garrafas gratuitas de álcool em gel da Ambev para quem se cadastrar no site fornecido.

O endereço falso é acessado por meio do link ambev.reIacionamento[.]com, e o L que consta na URL é, na verdade, um i maiúsculo.

Fonte: Tecnoblog/Reprodução(Fonte: Tecnoblog/Reprodução)Fonte:  Tecnoblog 

O link leva o usuário a um site com outra URL, que até mostra um cadeado, como fazem os sites seguros de compra. Tecnicamente, o endereço pode ser seguro, porém é usado para roubar dados. Primeiro, pede para o usuário inserir o CEP para verificar os "pontos de distribuição" mais próximos; em seguida, é necessário realizar um cadastro. Por fim, o site avisa que o pedido só será validado se o cidadão compartilhar a mensagem com ao menos cinco contatos.

Na terça-feira (17), a Ambev anunciou que realmente vai distribuir 500 frascos de álcool em gel de forma gratuita, mas somente em hospitais públicos de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Golpe 3: contas gratuitas da Netflix

Outro golpe do WhatsApp foi identificado nas últimas horas. Uma mensagem compartilhada no app afirma que a Netflix está liberando o acesso à plataforma pelo período de quarentena e que os cadastros só serão aceitos nos próximos 2 dias.

Site falso da Netflix usado para aplicar o golpe das contas gratuitas. (Fonte: Netflix-USA.net/ReproduçãoSite falso da Netflix usado para aplicar o golpe das contas gratuitas. (Fonte: Netflix-USA.net/Reprodução)Fonte:  Reprodução 

A mensagem tem um link que leva a um site falso que tenta imitar o original, mas tem o logotipo com baixa resolução e uma fonte diferente, além de miniaturas de filmes e séries em baixa resolução e a própria URL diferente da legítima.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Novos golpes no WhatsApp oferecem álcool em gel gratuito