Chineses colocam máscaras em gatos para combater coronavírus

1 min de leitura
Imagem de: Chineses colocam máscaras em gatos para combater coronavírus
Avatar do autor

Com mais de 70 mil pessoas infectadas com o coronavírus COVID-19, das quais 1.700 vieram a falecer, a China tem intensificado as medidas para evitar que a doença avance para fora do país. E no meio de tantas ações, uma chamou a atenção: estão circulando na internet diversas imagens de gatos usando máscaras, supostamente na China.

De acordo com o The New York Post, os donos dos felinos decidiram protegê-los de uma possível contaminação, utilizando máscaras adaptadas. A medida inusitada, e até cômica, pode ser vista nas imagens compartilhadas por um usuário do Twitter. Confira.

Apesar disso, ainda não é possível afirmar se animais domésticos podem ser infectados ou transmitir o coronavírus. “No momento, não há evidências de que animais de estimação, como cães ou gatos, possam estar infectados com o COVID-19”, diz um FAQ da Associação Médica Veterinária de Oregon.

Por outro lado, dada a capacidade de mutação do COVID-19, é possível que estes animais sejam capazes de serem infectados pelo vírus.

“Se os animais de estimação saem e têm contato com uma pessoa infectada, eles têm a chance de se infectar”, disse ao The New York Post o porta-voz e epidemiologista Li Lanjuan, da Comissão Nacional de Saúde da China. “A essa altura, os animais precisam estar isolados. Além das pessoas, devemos ter cuidado com outros mamíferos, especialmente com animais de estimação”.

Leia tambémCoronavírus: como os pacientes são diagnosticados e tratados na China?

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Chineses colocam máscaras em gatos para combater coronavírus