Rússia envia seu primeiro robô humanoide ao espaço, o Fedor

1 min de leitura
Imagem de: Rússia envia seu primeiro robô humanoide ao espaço, o Fedor
Avatar do autor

Nesta quinta-feira (22), a Rússia enviou seu primeiro robô humanoide para o espaço, o "Fedor". Fedor (derivado de "Feodor") é um nome russo, mas também a sigla para o termo inglês “Final Experimentational Demonstration Object Research” (pesquisa de objeto de demonstração experimental final, em português). O robô, identificado como Skybot F-850, decolou a bordo de um foguete Soyouz às 6:38 de Moscou (0:38 em Brasília), partindo da base russa de Baikonur, no Cazaquistão. Ele só deve chegar ao seu destino no sábado (24).

Fedor foi enviado à Estação Espacial Internacional (ISS, da sigla em inglês), onde deve permanecer até o dia 7 de setembro, para desempenhar de cinco a seis tarefas, as quais não foram reveladas. O objetivo geral é saber como esse tipo de máquina pode ajudar os humanos em operações espaciais de alto risco.

Abaixo, podemos ver o Fedor em ação, através da reportagem da agência de notícias Al Jazeera:

Fedor tem 1,80 metro de altura, pesa 160 quilos e tem perfil nas redes sociais Instagram e Twitter, onde posta sobre seus feitos cotidianos. Ele é capaz de imitar o movimento humano e manusear pequenos objetos com precisão, além de levantar cargas pesadas. Na ISS, suas atividades serão supervisionadas pelo cosmonauta russo Alexander Skvortsov, que já se encontra na estação desde julho.

Outras missões envolvendo robôs

Fedor não foi o primeiro robô mandado ao espaço. A NASA já havia enviado outro robô humanoide, o Robonaut 2, desenvolvido em parceria com a General Motors, em 2011. Ele só retornou à Terra em 2018. Em 2013 foi a vez do Japão enviar o Kirobo.

As missões envolvendo essas máquinas são importantes porque a exploração do espaço compreende alcançar lugares distantes e desconhecidos, que podem oferecer riscos aos humanos.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Rússia envia seu primeiro robô humanoide ao espaço, o Fedor