Sempre que você pensa em Júpiter, o maior e mais impressionante planeta do nosso Sistema Solar, a primeira imagem que lhe vem à mente certamente é aquela que mostra “Grande Mancha Vermelha”, uma tempestade permanente que pode parecer inclusive um olho. Só que este não é o único visual impressionante do planeta. Como mostrou o internauta Gerald Eichstädt, os polos de Júpiter são ainda mais incríveis.

Essa imagem que você confere retrata o polo sul de Júpiter e foi feita pela sonda Juno, da NASA. O arquivo, que estava no arquivo público da missão, foi processado por Eichstädt e, em seguida, publicado pelo site da agência espacial norte americana.

júpiterPolo sul de Júpiter (confira em alta resolução)

Os polos de Júpiter têm uma coloração diferente do restante do planeta por conta da diferença de temperatura e da concentração de gases distinta. Isso gera esse azul intenso cheio de manchas claras, que faz o planeta parecer um gigantesco recife de corais no mar visto do alto.

A fotografia em questão foi capturada no dia 16 de dezembro de 2017, quando a sonda estava a 104 mil km de distância do planeta. Só entre a sonda e o planeta retratado, cabem oito Terras uma ao lado da outra. Júpiter em si tem um diâmetro 11 vezes maior que o do nosso planeta.

Cupons de desconto TecMundo: