A Gionee é uma companhia chinesa de smartphones que é pouco conhecida por aqui, mas possui alguns produtos interessantes. Um deles é o Elife S6, novo lançamento intermediário com design que lembra um celular premium — e talvez algumas "notas" da linha Galaxy, da Samsung.

O bacana de soluções chinesas é que cada vez mais chegam smartphones com um hardware decente por um preço justo. No caso, o Elife custa US$ 266, que sairia mais ou menos R$ 1 mil por aqui — sem impostos e taxas. Por esse valor, o consumidor encontra um processador octa-core MediaTek, tela de 5,5" Full HD, 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento interno.

Como você pode notar, o Elife S6 só não pode ser chamado de concorrência no mercado no top de linha porque, agora, os principais celulares já estão se acomodando nos 4 GB de RAM e trazem processadores mais potentes. Contudo, 3 GB de RAM é potência o suficiente para rodar qualquer aplicativo — e os 32 GB de armazenamento fazem a alegria de qualquer usuário.

O aparelho vai chegar ao mercado asiático no dia 22 de novembro nas cores ouro e platina. Abaixo, você acompanha as especificações técnicas.

Elife S6

  • Tela: 5,5" Full HD AMOLED
  • Processador: MediaTek MT6753 octa-core 1,3 GHz
  • GPU: Mali T-720
  • RAM: 3 GB
  • Armazenamento: 32 GB, expansível via microSD até 128 GB
  • Câmeras: 13 MP/5 MP
  • Bateria: 3.150 mAh
  • Porta: USB Type-C
  • Sistema: Android 5.1 Lollipop (interface AMIGO OS 3.1)

O que você achou do novo Elife S6? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: