(Fonte da imagem: Divulgação/Blachphone)

É possível esperar muito de um aparelho que se apresenta como o mais seguro da categoria em relação à privacidade de quem usa — portanto é exatamente isso que tem acontecido com o Blackphone. Nós já falamos sobre isso aqui e aqui, detalhando um pouco mais das ambições do dispositivo no quesito segurança de dados.

Agora, os desenvolvedores do aparelho trouxeram à tona as informações sobre hardware, revelando detalhes sobre as especificações do Blackphone. O principal destaque é, sem dúvida, a presença de um NVIDIA Tegra 4i quad-core de 2 GHz, um processador respeitável e capaz de mostrar que o aparelho não está para brincadeira.

16 GB de memória interna, 1 GB de RAM e ainda tela de 4,7 polegadas em alta definição completam a lista de destaques. As ficha completa do aparelho é:Sistema operacional PrivatOS  (baseado no Android KitKat);

  • Processador NVIDIA Tegra 4i de 2 GHz;
  • Tela IPS HD de 4,7 polegadas com resolução de 1280 x 720 pixels;
  • Display capacitivo com suporte a multitouch (até quatro toques simultâneos);
  • 16 GB de espaço interno para armazenamento;
  • 1 GB de Memória RAM;
  • Câmera traseira de 8 megapixels com flash e frontal de 5 megapixels;
  • Sensores de gravidade, de luz, de proximidade e magnético;
  • Conexão WiFI (802.11 b/g/n), Bluetooth (4.0 LE) e GPS;
  • Bateria de 2.000 mA.

O aparelho está em fase de pré-venda desde fevereiro deste ano, quando foi exibido ao público durante a Mobile World Congress, em Barcelona, Espanha. Ele custa US$ 629 (cerca de R$ 1,4 mil) e deve chegar aos consumidores da América do Norte e Europa a partir de junho de 2014.

Cupons de desconto TecMundo: