(Fonte da imagem: Microsoft Build)

Em uma jogada estratégica para aumentar a adesão do sistema Windows por parte das manufaturadoras, a Microsoft anunciou hoje (2), em seu evento Build 2014, que o Windows passará a ser gratuito para dispositivos com telas de até 9 polegadas (ou seja, para tablets e smartphones).

Com isso, as fabricantes de aparelhos eletrônicos não precisarão pagar licenças para embarcar o SO em seus novos dispositivos – até então, cada manufaturadora precisava pagar US$ 50 por cada licença do Windows 8.1. A ideia central é, sobretudo, competir diretamente com SOs gratuitos como Android e Chrome OS.

Tal versão gratuita foi referida simplesmente como “Windows for Internet of Things” (“Windows para a Internet das Coisas”, ou simplesmente “Windows IoT”), e deve incluir uma suíte de apps essenciais e um ano de Office 365.

Vale lembrar que o termo “internet das coisas” se refere ao conceito de interação entre diferentes objetos de nosso cotidiano, que se comunicam através da internet e compartilham dados entre si com o simples intuito de facilitar a nossa vida. Isso basicamente quer dizer que não será uma surpresa caso a Microsoft esteja planejando inserir seus sistema operacional em wearable devices e outros dispositivos comumente encontrados nas nossas residências. Vamos aguardar para ver!

Cupons de desconto TecMundo: