A empresa focada em segurança de dados PSafe constatou um aumento de 28,6% nas tentativas de ataques hacker no mês da Black Friday. Só em novembro, o aplicativo bloqueou cerca de 5,7 milhões de malwares, sendo que o mesmo período em 2015 marcava uma média de 4,4 milhões de crimes malsucedidos.

Os ataques consistem em phishing — imitações das páginas de lojas virtuais que roubam os dados bancários e pessoais do usuário. Segundo a empresa, os hackers tendem a aproveitar o momento da Black Friday, devido ao número de ofertas que aparecem nas redes sociais e por indicação de amigos, para disseminar os malwares.

Os estados mais visados pelos criminosos foram: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia e Pernambuco. Esses cinco estados juntos somaram mais de 3,3 milhões de tentativas de cibercrime. Já os principais ataques em novembro que mais se destacaram foram: Trojan, Adware e Riskware. Saiba mais sobre o significado dessas classes aqui.

Cupons de desconto TecMundo: