A Apple emitiu na última terça-feira (27) um comunicado de segurança em que pede que consumidores mudem suas senhas do iCloud assim que possível. O motivo do pedido é um hack que afetou usuários da Austrália e da Nova Zelândia que possuem aparelhos das linhas iPhone, iPad e Mac que resultou no recebimento de uma mensagem que exigia o pagamento de US$ 100 a uma conta falsa no PayPal identificada com o nome Oleg Pliss — caso contrário, o aparelho utilizado teria seus dados apagados.

“A Apple leva a segurança muito a sério e o iCloud não foi comprometido durante esse incidente. Os usuários impactados devem mudar suas senhas do Apple ID assim que possível e evitar usar o mesmo nome de usuário e código de segurança em múltiplos serviços. Qualquer usuário que precise de ajuda adicional pode contatar o AppleCare ou visitar sua loja local da Apple”, afirmou a companhia em um comunicado reproduzido pelo site ZDNet.

O PayPal também afirmou que não é preciso tomar medidas de segurança além da sugerida pela companhia da Maçã e esclareceu que o endereço de email usado pelo farsante não estava ligado a uma conta. Além disso, os responsáveis pelo serviço afirmaram que não houve qualquer comprometimento dos dados e do dinheiro armazenados por seus usuários.

Cupons de desconto TecMundo: