De acordo com informações trazidas pelo The Next Web, o LinkedIn, uma das mais populares redes sociais do planeta, teve cerca de 6,5 milhões de senhas roubadas por hackers. As chaves de acesso encontram-se criptografadas, e os invasores teriam postado a lista na internet, pedindo ajuda na tarefa de decifrar os códigos.

As primeiras notícias a respeito do roubo foram divulgadas por um site norueguês, que teria identificado o arquivo com as senhas em um fórum de hackers russos. Logo em seguida, o pesquisador de segurança Per Thorsheim confirmou por meio de seu Twitter que realmente hackers estavam procurando ajuda para abrir chaves de segurança encriptadas.

E parece que o pedido de ajuda vem surtindo resultado, pois, ainda segundo o The Next Web, mais de 300 mil senhas já foram descriptografadas – e, a cada minuto, mais chaves vão sendo quebradas pelos hackers. De acordo com algumas postagens, o formato em que se encontram as senhas torna fácil essa tarefa.

Em contrapartida, segundo o site norueguês, somente as senhas foram postadas no fórum, sem as contas de usuário, que são fundamentais para que alguém acesse as informações de quem teve a chave de acesso roubada. Entretanto, isso não significa que essas informações também não tenham sido roubadas. Nada impede que os invasores estejam somente segurando esses dados para si mesmos.

Empresa ainda investiga os arquivos que teriam senhas roubadas (Fonte da imagem: Reprodução/Twitter LinkedIn)

A empresa ainda não confirmou a informação de maneira oficial, entretanto, em uma postagem realizada na manhã de hoje, no Twitter, eles citam que as equipes de segurança da companhia já estão analisando os relatórios com senhas roubadas, e que informações serão divulgadas em breve. O LinkedIn tem uma base de cadastros com cerca de 150 milhões de pessoas, ou seja, o vazamento corresponde a menos de 10 por cento das contas criadas dentro do serviço.

Mesmo assim, recomendamos: troque a sua senha e, de preferência, crie uma chave de acesso o mais segura possível. Além disso, caso você utilize a mesma senha para vários outros serviços, o ideal é que você também realize a alteração em todos os que puder.

Fonte: The Next Web, Dangens e Twitter

Cupons de desconto TecMundo: