Embora as vendas de iPhones não estejam tão altas quanto o esperado, a Apple está longe de passar por um momento ruim. Isso porque a empresa relatou na última conferência financeira da empresa o lucro trimestral mais alto de sua história: US$ 18,4 bilhões (cerca de R$ 74,9 bilhões).

O número vale para o primeiro trimestre fiscal do ano. Ele é maior em US$ 400 milhões do que o número registrado no mesmo período do ano passado. Ao todo, o rendimento foi de US$ 75,9 bilhões (R$ 308,9 bilhões) — igualmente impressionante, porém abaixo do que o previsto pelos analistas.

Além disso, 74,8 milhões de iPhones foram vendidos durante o trimestre, menos do que o esperado por analistas e pela própria Apple. Ainda assim, os smartphones são a maior fonte de rendimentos da marca. Na categoria "Outros produtos", Apple Watch e Apple TV fizeram, juntos, US$ 4,35 bilhões (R$ 17,7 bilhões).

Vale lembrar que é natural uma empresa ter um trimestre não tão incrível quanto o do final de ano, por exemplo, ainda mais sem lançar novos produtos. Porém, a Apple movimenta tantos mercados e chama muita atenção até em pequenas (e provavelmente rápidas) quedas.

Você tem um produto da Apple? Qual? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: