Similar ao Amazon Echo, o HomePod, da Apple, é a caixa de som inteligente para ajudar e entreter em ambientes caseiros. Basicamente, trata-se de um speaker potente para ouvir músicas do Apple Music que tem diversos microfones que integram a Siri à utilização do dia a dia. Apesar de parecer simples, há mais do que parece por aqui.

Um dos maiores destaques do novo produto da Maçã é a potência: o HomePod tem um woofer de quatro polegadas que fica virado para cima e que contém um chip A8, o mesmo utilizado nos iPhones, que entrega um som com tons de baixos extremamente limpos e profundos (e com menor distorção, segundo a companhia).

Além do bom desempenho de baixos, o aparelho também tem uma matriz de sete tweeters na parte inferior, cada um deles com um amplificador próprio, timbre balanceado e um controle direcional preciso de uma grande variedade de formas e tamanhos de alto-falantes.

A combinação da potência, chip e microfones embutidos fazem com que o HomePod consiga avaliar o ambiente em que está e criar a equalização perfeita para o ambiente, ideal para os usuários que prezam por boa qualidade sonora.

HomePod

Perfeito para a residência (não é um produto portátil)

Apesar de ter um tamanho de algo portátil (ele tem menos 7 polegadas de altura), o HomePod depende de tomadas para funcionar, algo que o colocar em outra categoria – o suficiente para afastá-lo do setor de caixas de som portáteis.

O grande destaque do dispositivo é que ele traz um conjunto de seis microfones integrados que podem captar o som de qualquer direção do ambiente em que está localizado. O HomePod é completamente integrado com a Siri, que pode criar sugestões e playlists de músicas de acordo com o seu gosto.

HomePod

O cérebro do HomePod acessa o Apple Music e consegue interagir com os usuários, que podem perguntar qualquer coisa, como “Hey Siri, quem é baterista que está tocando?” ou dizer “Hey Siri, eu gosto dessa música” para que o assistente entenda melhor qual tipo de música tocar.

Certamente, a utilização do HomePod não é limitada às canções, pois ele pode mandar mensagens, reproduzir notícias, falar as condições do tempo, controlar dispositivos inteligentes da casa (como apagar e acender as luzes, caso seja uma residência moderna) e muito mais. Em outras palavras: trata-se de um hub para a casa que pode se integrar ao app Casa dos iPhones e iPads.

Prezando a privacidade dos usuários

O maior destaque prometido pela Apple é que o aparelho poderá escutar o usuário mesmo com música alta, algo que ainda queremos ver na prática. Porém, com tantos microfones, quem garante que a Maçã não escuta tudo o que se passa na sua casa e guarda esses dados? Segundo a empresa, eles entendem essa preocupação e implementaram um sistema bacana para tranquilizar os usuários.

Apenas dados falados após "Hey Siri" são captados e enviados aos servidores da Apple

De acordo com a Apple, apenas informações ditas após “Hey Siri” são captadas e enviadas aos servidores da empresa. Ou seja: todos os demais ruídos, conversas e sons são desconsiderados e nada é guardado. O HomePod chegará em dezembro nos EUA, Reino Unido e Austrália por US$ 349 (R$ 1.150 sem taxas) e será compatível apenas com iPhone 5s ou superiores e que tenham o iOS 11.

Cupons de desconto TecMundo: