Muitos consumidores deixam de comprar aplicativos na Google Play Store (antiga Android Market) por não possuírem cartões de crédito – que são necessários para que as transações possam ser completadas. Mas, segundo a própria Google, em breve os brasileiros não vão precisar de tantas preocupações no pagamento deu seus apps favoritos.

Hugo Barra, gerente mundial da divisão Android na Google, afirmou que a empresa de Mountain View já está procurando firmar parcerias com as operadoras de telefonia celular brasileiras. Com isso, ele tenta tornar possível vender os aplicativos e cobrar diretamente na conta telefônica. Ou seja, em vez de pagar às empresas de cartão, o dinheiro seria repassado pelas operadoras.

Barra disse ao site Terra que o consumidor brasileiro está muito interessado em consumir Android. Isso faz com que a Google busque formas de fazer com que os brasileiros continuem investindo no sistema operacional e em aplicativos, que também geram uma boa quantidade de dinheiro para os cofres da empresa.

Músicas e livros? Em breve

Outra novidade é a chegada das músicas e livros à loja Google Play. Já estão em negociação os acordos com as gravadoras e editoras, pois a Google quer levar o melhor dos conteúdos ao público brasileiro. Ainda deve demorar algum tempo até que tudo esteja pronto, mas especula-se que os primeiros materiais comecem a ser vendidos ainda em 2012.

Fontes: Terra e Google Discovery

Cupons de desconto TecMundo: