Em anúncio para a imprensa nesta terça-feira (4), a Philips introduziu sua nova linha de televisores com sistema operacional Android TV. Os aparelhos devem se somar aos produtos da Sony que já estão no mercado brasileiro usando o SO da Google.

Os modelos que estarão disponíveis para o público no Brasil compreendem duas séries em dois tamanhos cada uma. A série 7100, com telas de 49 e 55 polegadas, vem com recurso de Ultra HD 4K, exibição em 3D e o exclusivo Ambilight, uma projeção de luzes nas laterais que cria a sensação de uma tela ainda maior. Além disso, o dispositivo possui 8 GB de memória interna que pode ser expandida através de acessórios não inclusos. O controle remoto que acompanha essa série vem com teclado QWERTY e microfone para reconhecimento de voz.

Já a série 6700 está disponível com telas de 50 e 55 polegadas, também em Ultra HD 4k, memória interna expansível de 8 GB, além de todos os recursos e benefícios do sistema operacional Android TV.

Dando um "up" no Full HD

Ambas as séries possuem uma funcionalidade especial: um upscaling que faz a conversão de conteúdos Full HD para 4K, melhorando assim a imagem de vídeos que ainda não estão disponíveis com essa tecnologia.

O brasileiro busca telas maiores, qualidade de imagem superior UHD 4k e Smart TV a um preço competitivo.

A apresentação da nova linha contou com a presença de Marcos Contreras, CEO da TPV Brasil, grupo responsável pela produção de monitores e TVs Philips e AOC no Brasil. Segundo ele, “o brasileiro busca telas maiores, qualidade de imagem superior UHD 4k e Smart TV a um preço competitivo. Com nossa linha de Android TVs, entregamos exatamente isso e com recursos que já são referência no mercado, como a busca por voz e a recomendação Google, além do recurso Ambilight”.

Focando no espectador conectado

O objetivo das novas Android TVs da Philips é dar a melhor experiência de televisão ao consumidor, levando a ele o melhor conteúdo possível. Para isso, o sistema operacional desenvolvido pela Google apresenta recursos como a Philips App Gallery, que, juntamente com a Play Store, vai garantir o acesso a mais de 500 aplicativos, muitos deles em português.

Nas Android TVs, é possível utilizar diretamente serviços da internet como Netflix e YouTube.

Você pode também acessar os serviços consagrados da Google, como Play Filmes, Play Games e Play Música. Com o aplicativo de jogos da Android TV, é possível utilizar o próprio controle remoto ou joysticks e game pads para interagir com os jogos através de uma conexão via cabo ou Bluetooth.

Encontre o que você precisa

Nas Android TVs, o Google Cast é integrado, sendo possível utilizar diretamente do smartphone serviços da internet como Netflix e YouTube. Como não poderia ser diferente, o sistema de busca disponibilizado pela Google é um dos melhores do mercado, visando diminuir o tempo que você gasta procurando algum conteúdo e aumentar seu período assistindo ao que gosta.

A nova Android TV será lançada no mercado na segunda metade do mês de setembro e deve apresentar preços que vão de R$ 4 mil a R$ 6,2 mil.

Você acha que as Android TVs têm capacidade de dominar o mercado de televisores? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: