O iPhone SE mal chegou e as especulações sobre as futuras gerações de smartphones da Apple já começaram — mais precisamente sobre o ano de 2017, quando a ideia é que o iPhone 7s seja anunciado.

Acontece que esse modelo pode significar a estreia dos painéis AMOLED nos dispositivos da marca — e a responsável por isso deve ser ninguém menos que a Sharp, que foi recém comprada pela Foxconn por R$ 12,6 bilhões. Segundo o site DigiTimes, os taiwaneses vão investir pesado na nova propriedade: serão três linhas de produção (sendo uma delas insanamente grande e com produção maior que a soma das outras duas) destinadas à fabricação desse tipo de tela.

O resultado? Cerca de 9,85 milhões de displays de 5,5" gerados por mês. A ideia é que a quantidade de smartphones com telas AMOLED suba de 3,45 milhões de unidades em 2016 para 10,24 milhões em 2020.

Por enquanto, tudo não passa de previsão — incluindo a adoção ou não da tecnologia no futuro iPhone 7s. Fique de olho no TecMundo para mais novidades.

AMOLED ou LCD, qual dessa tecnologias você prefere? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: