(Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

A Universidade de Birmingham em parceria com a Universidade Técnica de Berlin divulgou uma pesquisa constatando que existem falhas nos smartphones e modems com 3G, as quais podem garantir a fácil localização desses dispositivos. Segundo a notícia da SC Magazine, as vulnerabilidades podem ser exploradas com uso de tecnologia comercial barata.

As falhas ocorrem diretamente nos aparelhos e nenhuma rede de telefonia 3G está livre do problema. Os criminosos que quiserem rastrear os celulares não precisam realizar operações com criptografia, tampouco apela para ataques com chaves de segurança. A indústria de segurança global 3GPP está investigando a pesquisa e já reportou esse problema no semestre passado.

O problema é que os processos de revisão de protocolos são longos e, considerando que existe a necessidade de trabalhar com redes globais, as correções demoram a circular e serem implementadas. Há outros ataques em redes que não interferem com o protocolo lógico do 3G, mas que exploram a falta de operação e as falhas nos aparelhos.

É importante notar que essas falhas podem permitir a quebra na autenticação de segurança entre os dispositivos e as redes de telefonia. Todavia, o SC Magazine afirma que somente alguém com conhecimento técnico e a aparelhagem devida consegue explorar a brecha. A 3GPP vai detalhar melhor essa falha em uma conferência da ACM.

Fonte: SC Magazine

Cupons de desconto TecMundo: