Entre todas as atrações desses dias em que está acontecendo a IFA 2014, os lançamentos mais aguardados eram os produtos da Apple, que nem estariam presentes no evento. Apesar de os holofotes terem ficado sobre as conferências, como as apresentações da Samsung, Sony e Motorola, a quantidade de vazamentos que o smartphone da empresa da Maçã recebeu mostra o quanto eram aguardadas as suas revelações para o mundo.

A impressão que tínhamos é que já sabíamos tudo sobre as versões do iPhone que seriam anunciadas. Quase todas as especificações, de alguma forma, já haviam sido reveladas: do processador e quantidade de memória RAM até o tipo e tamanho das telas que estariam presentes nos smartphones. Restava saber qual seria a surpresa que o evento traria.

O evento

Nesta terça-feira, dia 9 de setembro de 2014, todos os mistérios chegariam ao fim com o evento programado para as 14 horas (horário de Brasília). A apresentação seguiu a tradição e ocorreu na cidade de Cupertino, estado da Califórnia, nos Estados Unidos.

A transmissão começou cheia de problemas, provavelmente por causa da grande quantidade de acessos que os servidores da companhia recebiam. Passadas as dificuldades do momento, a apresentação teve início e quem subiu ao palco primeiro foi, como de costume, o CEO da Apple, Tim Cook.

Confirmado: duas versões do iPhone

A presença do smartphone, apesar de oficialmente não confirmada, era mais do que certa. Todos os vazamentos acabaram tirando um pouco do “efeito surpresa” dessa parte da apresentação e nem a revelação de dois modelos do aparelho pegou alguém de surpresa. Suas telas trouxeram os tamanhos de 4,7 e 5,5 polegadas, sendo que o modelo maior é chamado de iPhone 6 Plus.

As resoluções presentes nos aparelhos, no entanto, eram novidades: na versão menor, 1334x750, com densidade de pixels de 326 ppi. Na maior, um display Full HD, ou seja, 1920x1080 e densidade de pixels de 401 ppi. Ambas as telas trarão a tecnologia Retina Display e contarão com um vidro reforçado com um processo envolvendo íons.

A presença do chip A8 também foi confirmada e se defendeu que isso garantiria muito mais desempenho gráfico e eficiência energética. Acompanhando esse chip, o coprocessador M8 lida com os vários sensores presentes no smartphone.

Considerando as conectividades, além do essencial suporte à rede WiFi, que atenderá até o padrão 802.11ac, os aparelhos também trarão um 4G LTE melhorado em relação à versão anterior.

A câmera traseira foi confirmada como tendo 8 MP, com um autofoco extremamente rápido e muitos recursos extras. O teclado, capaz de prever e aprender à medida que é utilizado, aprimorará as suas respostas cada vez mais.

O aplicativo Health, voltado para aqueles que se preocupam com a saúde e querem a ajuda do smartphone para isso, também ganhou uma atualização. Além dele, o sistema de notificação e o TouchID também receberam aprimoramentos.

Para aqueles que gostam de personalizar a aparência externa do aparelho, a Apple oficializou o lançamento de uma série de capas para proteger o iPhone. São cases de silicone, disponíveis em seis cores diferentes, e de couro, que chegarão em cinco unidades distintas.

A companhia também decretou o fim das carteiras com o seu novo sistema de pagamento, o Apple Pay. Focado em segurança e privacidade, esse recurso recebeu grande destaque durante o evento e foi mencionado que ele pretende revolucionar a forma como lidamos com as transações financeiras.

Também foram revelados os valores e datas de lançamento para as versões do iPhone, que chegarão às prateleiras no dia 19 de setembro em países seletos, com pré-venda acontecendo a partir do dia 12. A empresa também aproveitou para atualizar o valor de seus modelos anteriores, o iPhone 5S e o 5C. O esquema de preços segue conforme as imagens abaixo, sendo que os valores são para a aquisição de um contrato com operadora.

Como é possível notar, a versão de 32 GB não será comercializada. Além disso, infelizmente, o Brasil não está incluído na lista de países que receberão o novo iPhone na semana que vem, restando a promessa de que ele chegará até o final do ano.

One more thing... Apple Watch

Com um belíssimo trailer, a Apple quase pegou todos de surpresa. Para a infelicidade dela, muitos já esperavam o anúncio de um smartwatch da companhia, o que não diminuiu a expectativa para o que estava para ser apresentado.

Um dos detalhes mais chamativos desse dispositivo e que ganhou grande atenção na apresentação foi o Digital Crown, espécie de botão giratório que trará inúmeras funções. Um dos principais argumentos da empresa para trazer essa novidade foi a necessidade de evitar que as pessoas ocupem toda a tela do relógio com gestos e toques.

O smartwatch também traz a tecnologia Retina display, mas dessa vez é equipado com uma lâmina de cristal de safira. Além disso, os mecanismos de leitura de pulso e sincronização de horário são recursos que receberam certa atenção por causa da precisão.

O dispositivo também ganhou muito destaque por causa de seu design customizável e suas funções compartilhadas entre outros relógios. É possível, por exemplo, enviar seus batimentos cardíacos e desenhos feitos na tela diretamente para outro Apple Watch.

Como não poderia deixar de ser, o smartwatch também possui funções que o transformam em um excelente personal trainer para acompanhar todas as atividades físicas. O aplicativo Workout é capaz de mostrar, em tempo real, várias medidas capturadas enquanto o dono do Apple Watch o utiliza.

Para finalizar, foram apresentados três grupos de pulseiras que contemplariam estilos e gostos distintos de cada pessoa. O relógio terá preço oficial de US$ 349 e só estará disponível a partir do começo do ano que vem.

E agora: música

Perto do fim da apresentação, quem sobe ao palco é o U2, grupo musical que traz mais uma surpresa aos consumidores. Na iTunes Store, um álbum da banda será distribuído para todo os cadastrados até o dia 13 de outubro.

De acordo com Tim Cook, esse será o maior lançamento de um álbum no mundo, sendo que 119 países terão essa novidade disponível. Mais de 500 milhões de pessoas ganharão esse presente e qualquer um pode se cadastrar e usufruir dessa regalia também.

--

E essa foi a apresentação da Apple, que teve como principais revelações os novos smartphones da linha iPhone e o Apple Watch, relógio inteligente da companhia. Fique ligado no TecMundo e acompanhe todas as matérias sobre essas e muitas outras novidades.