Nós já falamos aqui no TecMundo sobre o Priv, o primeiro smartphone da BlackBerry que utilizará o sistema Android. De acordo com o anúncio do aparelho, podemos esperar pelas funcionalidades do Android combinadas com os altos níveis de segurança e produtividade, que são marcas registradas da BlackBerry.

Contudo, parece que o sistema da Google não é familiar mesmo à Blackberry, já que o próprio CEO da empresa – John Chen – teve problemas em utilizar o Priv ao ser entrevistado. Chen disse equivocadamente que o dispositivo "roda Google" (em vez de falar Android) e teve problemas ao abrir o Google Chrome (que foi um tanto lento para responder) para exemplificar as funções do Priv.

Depois de perceber que o aparelho não estava logado em nenhuma conta da Google, Chen desiste de utilizar a tela de toque do Priv de modo um tanto constrangido e só comenta o design do smartphone, que também contará com um teclado físico. O Priv será lançado até o final do ano (sem datas específicas), porém o próprio sistema da BlackBerry, o BlacyBerry 10, não será abandonado pela empresa.