O YouTube parece estar alguns passos mais próximo de lançar um serviço pago próprio para streaming de músicas — algo que vem alimentando rumores há algum tempo. De acordo com uma reportagem do jornal The Financial Times, a Google acaba de fechar um acordo com o selo independente Merlin, bandeira que abriga artistas como Adele e Arctic Monkeys.

O Merlin, de fato, representa aproximadamente 20 mil selos independentes menores, o que provavelmente justifica os vários meses de uma negociação complexa e particularmente tensa entre as partes.

“Pessoas próximas à questão disseram que o acordo foi assinado há alguns dias após meses de uma negociação difícil, durante a qual o YouTube ameaçou tirar do ar vídeos de artistas como Adele e Arctic Monkeys, caso suas exigências não fossem cumpridas”, disse o referido veículo. Ao que parece, entretanto, os protestos da “comunidade criativa” demoveram o serviço desse procedimento mais extremo.

Streaming do YouTube nas próximas semanas

Fim ao cabo, entretanto, parece que o acordo foi definitivamente firmado entre as partes. “Os termos finais do acordo foram substancialmente mais favoráveis ao Merlin do que aqueles constantes no contrato que vazou em junho”, disse uma pessoa próxima ao processo ao The Financial Times.

O Financial Times também reforça que o acordo com a Merlin deve servir para que o YouTube finalmente lance o seu serviço de streaming pago de músicas — o que, de acordo com a reportagem, deve ocorrer durante as próximas semanas. O jornal aponta ainda que acordos semelhantes já foram firmados com selos de grande porte como Universal, Sony e Warner Bros.

De acordo com os rumores veiculados nos últimos meses, o streaming pago do YouTube será baseado em assinaturas, contando, entre suas vantagens, com a total ausência de anúncios publicitários e também com a possibilidade de salvar arquivos na memória para reprodução offline.

Atualização

O YouTube acaba de anunciar oficialmente o seu novo streaming por assinatura. Intitulado Music Key, o serviço encontra-se atualmente em vesão Beta fechada — apenas para convidados dos EUA, da Espanha, da Itália, de Portugal, da Finlândia e do Reino Unido. Com taxa mensal de US$ 10, o Music Key terá acesso também à biblioteca de música do Google Play Música. Leia mais sobre o serviço clicando aqui.

Cupons de desconto TecMundo: