Já há algum tempo, muita gente – principalmente os mais jovens – tem escolhido trocar a programação tradicional e estática das TVs pelo dinamismo e pela diversidade dos canais de vídeos na internet. Agora, uma nova empreitada do YouTube pode fazer com que esse público tenha acesso a uma série de emissoras televisivas através da plataforma online. Segundo o The Information, a marca pode estar prestes a fechar um acordo com as norte-americanas ESPN, ABC e CBS para a inauguração de um novo serviço pago.

Embora a operação não esteja 100% confirmada até o momento, a expectativa é de que o projeto seja oferecido aos seguidores do portal de vídeos da Google até o início de 2017 e conte com um bom número de redes de TV dos EUA – além do trio já mencionado. Enquanto canais menores devem acabar tendo seu conteúdo replicado na web por meio dos perfis comuns no YouTube, a ideia é que os grandes nomes da televisão façam parte de um programa chamado Unplugged, que deve custar US$ 35 mensais – cerca de R$ 116.

O serviço deve seguir o modelo de contratação e customização dos pacotes de TV a cabo

Pode ser um pouco irônico, mas o serviço deve seguir o modelo de contratação e customização dos pacotes de TV a cabo. Isso significa que o usuário que resolver assinar o Unplugged vai se deparar com um conjunto básico de emissoras – entre opções de notícia, esportes e entretenimento – e poderá modificar a seleção ou incluir algumas opções extras conforme as suas preferências. É claro que a adição de alguns desses itens pode gerar cobranças adicionais, assim como quando você opta pela aquisição de canais de filmes.

Ao que parece, a estratégia com o novo projeto tem o objetivo de expandir o alcance e o público do YouTube ao mesmo tempo que tenta compensar o fraco desempenho do YouTube Red – a versão paga do site, sem anúncios e que oferece material exclusivo aos assinantes. No entanto, se a empresa anda tendo dificuldade em vender um kit interessante por US$ 10 a seus consumidores mais fiéis, fica difícil imaginar que um serviço que custa 3,5 vezes mais e se apoie nas mídias tradicionais possa deslanchar e colocar o portal de vídeos no azul. Você toparia pagar mais de R$ 100 para assistir à TV no PC ou no celular?

Cupons de desconto TecMundo: