A Yahoo! não vem vivendo dias muito tranquilos. Suas ações sofreram uma queda de 30% só no ano de 2015 e suas fusões e aquisições recentes não deram os frutos esperados. Ainda assim, a CEO Marissa Mayer foi acusada por investidores enraivecidos da Yahoo! de ter gastado US$ 7 milhões, cerca de R$ 27,5 milhões, na festa de fim de ano da empresa, que aconteceu no Pier 48, em São Francisco, para cerca de 4 mil pessoas.

As acusações não foram provadas, mas as pessoas presentes na festa puderam relatar a pompa e o luxo da comemoração, que teve como tema “O Grande Gatsby”, filme de Baz Luhrmann lançado em 2013, estrelando Leonardo DiCaprio, baseado no livro homônimo de F. Scott Fitzgerald. A festança rolou em um galpão sobre um píer, com candelabros, um Rolls Royce e “trapezistas em balanços servindo champanhe em torres de taças”.

Muito luxo para todo mundo!

O evento também contou com quantidades massivas de bebidas caras e uma enorme variedade de alimentos. Além disso, um cassino foi instalado no galpão e cada convidado foi presenteado com US$ 500 falsos para fazer suas apostas e com o dinheiro ganho nas mesas sendo revertido para instituições de caridade. Entre os convidados, passeavam artistas burlescos e o som era comandado por uma banda cover canadense.

Confira na galeria as fotos do evento tiradas pelos convidados e postadas nas redes sociais:

Tudo isso teria custado em torno de US$ 7 milhões segundo o investidor Eric Jackson, um dos principais críticos de Mayer na Yahoo!. Além dessa acusação, ele apresentou números dos gastos excessivos feitos na gestão da CEO, segundo ele, um dos motivos da desvalorização da empresa.

Jackson, fundador do grupo de investimentos SpringOwl Asset Management, detalhou que US$ 450 milhões, aproximadamente R$ 1,8 bilhão, foram gastos nos últimos quatro anos com alimentação gratuita para os funcionários da empresa. Além disso, Mayer teria torrado US$ 2 milhões, cerca de R$ 7,9 milhões, em pulseiras fitness JawBone Up para todos os empregados da Yahoo! em seu aniversário de um ano como CEO.

Gastona e incompetente?

O investidor também faz duras críticas a Marissa Mayer por não manter a popularidade dos produtos da empresa, como o Tumblr, que foi comprado pela Yahoo! por US$ 1,1 bilhão, algo próximo de R$ 4,3 bilhões. Ao contrário desse serviço, por exemplo, o Instagram só cresceu após ter sido adquirido pelo Facebook por um valor um pouco menor que esse, US$ 1 bilhão, aproximadamente R$ R$ 3,9 bilhões. Além disso, cerca de US$ 3 bilhões, valor perto de R$ 11,8 bilhões, foram gastos em fusões e aquisições que não agregaram valor algum à companhia desde que a CEO assumiu o cargo.

Marissa Mayer está atualmente afastada do cargo em licença-maternidade, mas deve estar tranquila, mesmo com a cabeça a prêmio: a multa que deve ser paga a ela caso seja demitida do cargo de CEO é de US$ 25,8 milhões, em torno de R$ 101,6 milhões, valor quase quatro vezes maior do que o que foi gasto na festa de fim de ano na Yahoo!.

Você acha que a Yahoo! será capaz de retomar o sucesso de antigamente na internet? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: