No início do mês de agosto soubemos que a Xiaomi lançaria um novo smartphone com processador próprio em 2016. Na metade dessa semana, no entanto, ganhamos mais informações sobre essa entrada da empresa no mercado dos chipsets.

Segundo os relatos dos sites chineses, a companhia lançará dois modelos de processadores, sendo o primeiro voltado ao baixo desempenho para a sua linha de aparelhos Redmi. O foco dessa primeira versão será o barateamento do chipset, buscando abaixar ainda mais o preço do smartphone frente aos competidores.

O segundo modelo apostará em médio e alto desempenho com um processador octa-core, mas ainda voltará a sua atenção para os aparelhos intermediários. Segundo as fontes da China, a Xiaomi manterá o processador Snapdragon para os smartphones mais poderosos, principalmente para o Xiaomi Mi Note e o Mi5.

As expectativas são de que os novos chips cheguem ao mercado no início de 2016.

Você tem um aparelho da Xiaomi? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: