A Xiaomi confirmou o status de "sensação do mercado oriental" ao apresentar um número impressionante sobre a venda do smartphone Redmi 1S. O aparelho acaba de ser lançado na Índia e teria vendido 40 mil unidades em apenas 4,2 segundos.

A informação foi postada pelo brasileiro Hugo Barra no Twitter. O executivo ex-Google e agora vice-presidente global da Xiaomi foi a principal "contratação" da fabricante chinesa para expandir o mercado da empresa — o próprio Brasil é o um dos futuros alvos da sensação asiática.

Mas essa não foi uma boa notícia para todos: diversos consumidores indianos que estavam interessados no smartphone ficaram indignados com o fim tão relâmpago do estoque e reclamaram com Barra na rede social. Várias pessoas acusaram a venda de ser uma fraude ou a quantidade ser muito menor do que a prometida, tamanha a velocidade do esgotamento.

O Redmi 1S é um aparelho de baixo custo e saiu do estoque assim como outros aparelhos da companhia que também bateram recordes de vendas, como o Mi3.

Cupons de desconto TecMundo: