(Fonte da imagem: Reprodução/Superdownloads)

No dia 8 de abril, o Windows XP foi oficialmente e definitivamente descontinuado ao deixar de ter suporte da Microsoft.

Na data, de maneira bem-humorada e sentimental, a empresa divulgou uma carta de despedida como se o próprio sistema a tivesse escrito, buscando uma forma de amenizar o impacto da aposentadoria do XP.

Contudo, os adeptos dessa edição da plataforma dão indícios de não estarem dispostos a largar o seu companheiro de tantos anos. Há algumas semanas, noticiamos que 85% dos usuários não querem largar o sistema.

Agora, com a entrada de um novo mês, a partir da ferramenta NetMarketShare, é possível ver que essa resistência pode perdurar por muito tempo. Segundo relatório desse serviço de análise de mercado para o mês de abril, o Windows XP ainda é o SO de 26,29% dos computadores em todo o mundo, o que representa uma queda de apenas 1,4% — já que ele detinha a marca de 27,69% no mês de março.

(Fonte da imagem: Reprodução/NetMarketShare)

Isso garante ao vovô das plataformas da companhia a segunda posição no ranking geral entre todos os sistema operacionais para computadores, ficando atrás apenas do Windows 7 com 49,27%.

A terceira posição é do Windows 8 com 6,36%, sendo seguido pelo Windows 8.1 e seus 5,88% de participação. Para a versão mais recente do sistema da Microsoft, esse levantamento é significativo, pois marca a primeira vez que ele superou os 5%. Porém, mesmo quando somadas essas duas edições, elas atingem apenas 12,24% do mercado — o que não é nem a metade da participação do XP.

Cupons de desconto TecMundo: