A ideia inicial da Microsoft é fazer da Windows Store uma central de “apps modernos”, que funcionam na nova interface do sistema da empresa. Contudo, hoje, os primeiros programas do antigo modelo, os apps para desktop em x86 e x64, começaram a aparecer na loja do Windows.

Por enquanto, temos apenas Evernote, Arduino IDE, doubleTwist, PhotoScape, MAGIX Movie Edit Pro, Virtual Robotics Kit, Relab, SQL Pro, Voya Media, Predicted Desire e korAccount disponíveis para baixar. Os desenvolvedores dessas aplicações usaram o conversor “Desktop Bridge” desenvolvido pela Microsoft especialmente para ajustar seus softwares para alguns recursos do Windows 10.

Isso quer dizer que a instalação desses programas será mais simples, pois bastará ao usuário clicar em “Instalar” direto na loja. Fora isso, é possível que eles passem a utilizar de forma avançada recursos como a central de notificações do sistema e também algumas coisas da Cortana, dependendo da região.

Ainda pode demorar

Contudo, não é de se esperar que os desenvolvedores de programas famosos, como Chrome, Photoshop e WinRAR passem disponibilizar suas aplicações imediatamente na loja da Microsoft. O desenvolvimento para Windows tem sido tradicionalmente lento para adotar novidades nesse sentido, e pode levar alguns anos até que a Windows Store se torne uma central realmente útil para baixar e manter atualizados todos os programas que você tem no computador.

Cupons de desconto TecMundo: