(Fonte da imagem: Reprodução/BGR)

Um relatório publicado nesta semana pela empresa de pesquisas Canalys revelou que a maioria dos aplicativos considerados top, disponíveis para Android e iOS, ainda não podem ser encontrados nas lojas de aplicativos do Windows Phone e do BlackBerry. Juntos, Windows Phone e BlackBerry têm apenas 34% dos aplicativos entre os 50 apps gratuitos e 50 apps pagos mais baixados da App Store e do Google Play.

O Windows Phone oferece 16 dos 50 aplicativos gratuitos populares mais baixados da App Store e 14 entre os 50 aplicativos pagos mais baixados. Na comparação com a Google Play, o Windows Phone oferece 22 entre os 50 aplicativos gratuitos mais baixados e 13 entre os 50 programas pagos mais baixados.

No caso do BlackBerry, a situação é um pouco mais preocupante. A BlackBerry World disponibiliza apenas cinco aplicativos entre os 50 apps gratuitos mais populares da App Store e nove entre os 50 apps pagos mais baixados. Na comparação com a Google Play, a BlackBerry World oferece 11 apps pagos e 11 apps gratuitos entre os 50 mais baixados nas categorias gratuitos e pagos.

Foco em apps relevantes

“A disponibilidade de apps-chave é um dos fatores que mais motiva os consumidores a comprar um smartphone”, explica Tim Shepherd, analista sênior da Canalys. “Os consumidores de aparelhos com Windows Phone e BlackBerry OS não podem perder os apps mais importantes, o contato com marcas famosas ou os últimos jogos do momento por conta da escolha do SO”, completa.

O analista explica ainda que o sucesso não depende da quantidade de aplicativos, mas sim da qualidade deles. “De nada adianta oferecer 100 apps de previsão do tempo. Microsoft e BlackBerry precisam investir nos apps certos, focando em qualidade e relevância, e não em quantidade”, finaliza Shepherd.

Cupons de desconto TecMundo: