As vendas do novo console da Nintendo começaram há apenas um dia, mas o video game já foi desmontado e dissecado pelo site iFixit. Simples de ser aberto, o console também foi considerado de manutenção fácil caso precise ser consertado.

Há pouco, você conferiu no Tecmundo as primeiras informações sobre o assunto, reveladas pelo site AnandTech. Agora, prepare-se para conhecer peça por peça do novo console e conferir qual é o verdadeiro potencial do novo video game da Nintendo.

A apresentação

Parte frontal do Wii U. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

As especificações do Wii U incluem um processador multi-core IBM Power, GPU AMD Radeon, versões com 8 GB e 32 GB de armazenamento e suporte para HD via USB. Já o Game Pad tem tela LCD de 6,2 polegadas, com resolução de 854x480 pixels e câmera frontal. A tecnologia NFC também faz parte do pacote.

Na parte frontal do console, é possível ver a entrada pra o disco (destacada em vermelho), o botão Sync (destacado em laranja), duas portas USB (destacadas em verde) e entrada para cartão SD (destacada em amarelo).

Parte traseira do Wii U. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

Já na parte traseira está disponível a saída AVI (destacada em rosa), o conector Sensor Bar (destacado em preto), a saída HDMI (destaca em azul) e outras duas portas USB (destacadas em verde).

Abrindo o console

Wii U visto por dentro. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

Basta tirar a sua tampa para perceber que o drive óptico toma a maior parte do console. Suas medidas não são das mais reduzidas e essa parte do dispositivo pesa 424 gramas, o que corresponde a praticamente um terço do peso do console, que é de 1,5 kg. Tirando o disco óptico, temos acesso à placa-mãe.

Placa-mãe do console. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

Ela toma conta de toda a base do console e apresenta três módulos sem fios separados, todos eles fabricados pela Broadcom: BCM43237KMLG, para LAN; BCM43362KUB6, para Wi-fi 82.11; e BCM20702, para Bluetooth 4.0. No passo seguinte, ao remover os módulos, chegamos à GPU AMD Radeon (destacada em vermelho) e à CPU IBM Power multi-core (destacada em laranja).

GPU e CPU. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

Outros pontos da placa incluem controlador HDMI MN864718, da Panasonic (destacado em vermelho); controlador de memória de 8 GB NAND Flash eMMC KLM8G2FE3B, da Samsung (destacado em laranja); 4 memórias RAM Micron de 4 gigabits, totalizando 16 gigabits, o equivalente a 2 gigabytes de RAM (destacado em amarelo).

Placa-mãe. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

Por dentro do Game Pad

Se você imaginou que o tamanho do GamePad era uma necessidade da Nintendo para poder alocar de maneira eficiente placas e dispositivos, basta abrir o controle para perceber exatamente o contrário. Dentro há muito espaço sobrando para as peças, como você confere na imagem que mostra um panorama geral do GamePad.

GamePad por dentro. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

O site iFixit chama a atenção para os alto-falantes, que são pequenos e comuns. Com o espaço disponível, seria possível incluir alto-falantes maiores e mais potentes, mas provavelmente a Nintendo deve ter optado pela alternativa de menor custo nesse caso.

NFC. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

O módulo NFC, disponível no controle do console, por enquanto não apresenta nenhuma funcionalidade, mas no futuro ele pode servir para carregar jogos salvos ou importar personagens de outros cartões. O módulo seguinte inclui um sistema desenhado pela Broadcom em parceria com a Nintendo, que permite a transmissão de vídeos e dados entre o Wii U e o GamePad.

Placa-mãe do GamePad. (Fonte da imagem: Reprodução/iFixit)

A placa-mãe do GamePad tem como principais destaques o giroscópio InvenSense ITG-3280 (destacado em vermelho) e o Serial Flash de 256 Mb Micron 25Q256A (destacado em laranja).

Avaliação final

O site IFixit atribuiu uma nota 8 (numa escala de 0 a 10) para a facilidade de reparar o produto. A montagem da parte interna também foi considerada satisfatória, uma vez que os elementos estão firmemente encaixados e não há adesivos prendendo peças. Além disso, a maioria das peças pode ser substituída com facilidade.

Cupons de desconto TecMundo: