Um novo golpe está se disseminado pelo WhatsApp no Brasil. Dessa vez, os criminosos usam a tática do Phishing para fazer os usuários do mensageiro compartilharem um link que leva para uma página fraudulenta. Nesse site, as pessoas são compelidas a identificarem sua operadora e número de celular. Com isso, parte de seus créditos é “roubada”.

A fraude acontece da seguinte maneira: a pessoa recebe o link em questão de um amigo pelo WhatsApp dizendo “Crédito Grátis Para Celular: receba R$ 25 em créditos grátis; veja como”. Ao carregar a página no navegador, o usuário é requerido a compartilhar o mesmo link com 10 amigos e também em cinco grupos. Depois disso, é possível seguir para a segunda página, onde é necessário informar operadora e número de celular para supostamente receber os créditos.

Contudo, se a pessoa não ler com atenção as letrinhas miúdas, não vai perceber que está na verdade assinando um serviço de “tv no celular” que provavelmente nunca receberá. Contudo, a cobrança será feita nos créditos ou na conta da linha telefônica. No fim das contas, além de não ganhar um centavo com isso, a pessoa perde R$ 3 ou R$ 5 por semana se não entrar em contato com a operadora para fazer o cancelamento da assinatura.

Vale destacar que a página é fraudulenta, mesmo tendo letrinhas pequenas que informam com clareza que a pessoa está contratando um serviço e não participando de uma promoção. Isso porque a “propaganda” é completamente equivocada (de propósito), e a página de assinatura segue o mesmo tema “WhatsApp” que é usado nos passos anteriores.

Essa fraude foi desmascarada pelo pessoal do PSafe, que aconselha aos usuários terem um app de antiphishing instalado no celular. Se você acha que não consegue identificar esse tipo de golpe por si só, vale a pena dar uma olhada nessas opções de apps que podem lhe ajudar a manter seu telefone protegido.

Cupons de desconto TecMundo: