Imagem de Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance
Imagem de Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance

Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance

Nota do Voxel
80

As respostas que se escondem nos sonhos [vídeo]

Videoanálise

Embora nossa vida esteja sempre diante de nós, algumas respostas permanecem adormecidas e só podem ser encontradas quando fechamos nossos olhos. E, para chegar até elas, a solução é sonhar.

É a partir dessa proposta quase que poética que o caminho para a conclusão de uma saga tão inusitada tem início. Depois de vários títulos que pareciam servir apenas para complicar ainda mais a já complexa história, Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance surge não apenas para dar início ao fim da saga que uniu Square Enix e Disney, como também mostrar que há um sentido em toda a bagunça apresentada até agora.

É claro que seu lançamento era cercado por muita expectativa e receio. A franquia sempre foi bem inconstante nos portáteis, trazendo dois excelentes títulos e outros dois que merecem ser esquecidos. Por isso, graças à importância que este novo capítulo carrega, era natural que os fãs estivessem temerosos com o que estava por vir.

No entanto, não há com o que se preocupar. Mesmo com alguns deslizes, Dream Drop Distance não tomba diante da responsabilidade e mostra que a pedra fundamental para a construção do vindouro Kingdom Hearts 3 é tão firme quanto todos desejavam.

Como dito, Dream Drop Distance consegue carregar a responsabilidade de manter o excelente desempenho de Birth by Sleep e dar início ao caminho que leva a Kingdom Hearts 3 sem decepcionar. É claro que os problemas irritam e fazem dele um jogo menos impactante do que os originais para PS2 ou seu antecessor no PSP. Porém, mesmo assim, ele se sai muito bem em sua tarefa de dar sentido à bagunçada cronologia da série e nos levar à sua tão esperada conclusão.

Para os fãs, é quase óbvio dizer que o game é um título obrigatório, mas ele se destaca por também ser acessível para quem nunca teve contanto com Keyblades, Heartless ou Nobodies. Ao longo de toda a trama, ele traz resumos dos jogos anteriores para tentar situar o jogador e explicar o que está acontecendo.

Isso, aliado a uma jogabilidade simples e frenética, faz de Dream Drop Distance sinônimo de entretenimento por muito tempo. Por mais que você ainda estranhe o fato de ver universos tão diferentes quanto Square Enix e Disney trabalhando em conjunto, deixe o preconceito de lado e descubra que a diversão pode estar a apenas um sonho de distância.