Crysis continua poderoso e agora mostra sua força nos consoles

Quando falamos em Crysis, a primeira coisa que nos vem à cabeça são os visuais do game. O jogo foi lançado em 2007, exclusivamente para PC, e até hoje é considerado uma excelência técnica em termos de gráficos. Realmente, a Crytek, responsável pelo título, fez um ótimo trabalho em relação às texturas, modelagem e efeito, criando um título que, segundo a própria desenvolvedora, jamais poderia ser feito num console.

Mas, os tempos mudaram, as máquinas evoluíram e Crysis finalmente chegou aos video games de mesa. Lançado digitalmente via PlayStation Network e Xbox LIVE, o jogo da Crytek aterrissa no PlayStation 3 e no Xbox 360 por um preço modesto (US$ 20, ou aproximadamente R$ 35), mas não economiza em diversão.

Mesmo com um esquema de jogo relativamente datado e que já foi aprimorado por muitos jogos posteriores, Crysis mostra-se como um dos mais belos títulos distribuídos digitalmente e ainda consegue fornecer toda experiência encontrada na versão original. Sendo assim, se você gosta de um FPS bacana e nunca teve a chance (leia: dinheiro) para investir em um PC superpoderoso, então finalmente chegou a hora de conferir tudo o que Crysis tem a oferecer.

Um estranho no ninho

Além de toda maravilha visual e de uma jogabilidade sólida, Crysis também traz uma trama que serve de pano de fundo para todo o tiroteio. Aqui, o jogador encarna Nomad, um soldado membro de um grupo de forças especiais que tem como objetivo conferir o que está acontecendo em uma ilha próxima à Coreia do Norte. Lá, Nomad descobre que a situação está muito pior do que imaginava, encontrando não somente soldados hostis, mas também misteriosos alienígenas.

Crysis é, definitivamente, um dos títulos mais belos em relação aos jogos para download. Além disso, o game também consegue trazer toda a campanha da versão original para os consoles, providenciando ação e muita estratégia para o jogador. Encarnar Nomad e desfrutar dos poderes da Nanosuit em uma ilha paradisíaca é definitivamente uma boa indicação para quem gosta de FPS, principalmente se você nunca teve a chance de conferir a versão para PC.